22/09/2017

Estudantes debatem prevenção ao suicídio, em Parnaíba


A temática em torno do autocídio foi discutida com acadêmicos na manhã desta sexta-feira (22/09) em frente ao auditório da Universidade Federal do Piauí (UFPI), campus Parnaíba, através do Núcleo de Assistência ao Estudante (NAE) e do Núcleo de Apoio à Vida de Parnaíba (NAVIP). 

 

Na oportunidade foi relatado o processo de implantação do NAVIP, que é a razão social do CVV Parnaíba, bem como quais são os procedimentos para ser voluntário; pois basta que a pessoa tenha disponibilidade de tempo de quatro horas corridas por semana, seja maior de 18 anos e faça o treinamento, sendo aprovado. 

Após um diálogo necessário sobre a valorização da vida, os presentes iniciaram uma confecção de cartazes sobre o tema com o objetivo de elevar a autoestima. O material será utilizado na “Blitz Amarela: Vista-se de amor”, às 16h em frente a UFPI. 


Suicídio no Brasil 

O Ministério da Saúde divulgou no final da manhã de quinta-feira (21/09) que o índice do suicídio no Brasil aumentou 12% nos últimos quatro anos. Sendo que de 2011 a 2016, 62.804 tiraram a vida no país, sendo que 79% são homens. Entre 2011 e 2016, daqueles que tentaram suicídio mais de uma vez, 31,3% são mulheres e 26,4 são homens. 

Segundo o estudo, os idosos de 70 anos ou mais são os que apresentam maior índice, sendo 8,9 suicídios para cada 100 mil habitantes. Ainda segundo os dados, 62% dos suicídios foram causados por enforcamento. As mortes por suicídio foram maiores entre pessoas que não tem relacionamento conjugal. A cada 100 mil habitantes são registrados 15,2 mortes entre indígenas; 5,9 entre brancos; 4,7 entre negros; e 2,4 mortes entre os amarelos. Os indígenas que mais se mataram estão na faixa etária de 10 a 19 anos. 

Os fatores de risco para o suicídio foram identificados como transtornos mentais, depressão, alcoolismo, esquizofrenia; questões sociodemográficas, como isolamento social; psicológicas, como perdas recentes; e condições incapacitantes, como lesões desfigurantes, dor crônica e neoplasias malignas. Mas esses aspectos não podem ser avaliados isoladamente, cada caso deve ser avaliado de forma individual. 


Reflexão 
  • A vida é uma grande realização, é seu patrimônio! 
  • O sentido da vida é crescer e melhorar-se sempre! 
  • A vida é permanente renovação, é vitória sobre os desafios. 
  • O amor é um milagre que podemos realizar. 
  • Valorize a vida. Ame-se! 
  • Estimule a valorização pessoal. 

Fonte: Portal CN/Por Daniel Santos

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google