11/08/2017

Mãe denuncia que filha foi estuprada no PI

O caso ocorreu há dois anos em São Raimundo Nonato.

Mulher pede para não ser identificada (Crédito: Rede Meio Norte)

Uma mulher, que pede para não ser identificada, procurou a equipe da Rede Meio Norte para denunciar um suposto estupro cometido contra sua filha menor de idade na cidade de São Raimundo Nonato, a 500 km de Teresina, no ano de 2015. Na época a adolescente tinha apenas 12 anos. A mulher relata que desde então passou a sofrer constantes ameaças de morte e afirma que a filha quase entrou em depressão e, segundo a mãe, tentou tirar a própria vida.

“Ele [suspeito] está solto e eu vivo de ameaças. O pai dele já matou e nunca foi preso. A família dele constantemente ameaçando e ele não foi preso até agora. Ele já foi ouvido pela polícia e trabalha na Universidade Estadual-UESPI, em São Raimundo Nonato. Eu não estou vendo nada, o meu marido lá disse que na hora que ele for preso, o pai dele vem tirar a vida do meu marido. E tudo isso mexeu muito comido, perdi 11 quilos, não dormia mais e nem comia; passei por uma cirurgia muito delicada e estive na Unidade de Terapia Intensiva (UTI). Tudo isso muito difícil e esse homem passa e zomba da minha cara”, relatou, bastante abalada.

Ela questiona o atendimento que recebeu ao registrar boletim de ocorrência com a delegada Cynthia Verena Vasconcellos, na Delegacia de São Raimundo. “Eu fui e ela [delegada] não fez o procedimento. Eu percebi que ela estava 'demorando', daí eu cheguei aqui para denunciar porque sabia que lá 'não iria dar em nada' mesmo, acrescentou.

Conforme relata a mãe, a menina passou por exames na Maternidade Evangelina Rosa, onde, segundo ela, foi constatado o estupro. “Fizeram a perícia na minha filha aqui na Evangelina Rosa, foi constatado tudo”, disse.

A mãe faz um desabafo e pede que o suspeito seja punido. “Eu peso justiça. Eu não aguento mais essas ameaças, misericórdia”, pediu ela, chorando muito.

Em nota enviada para Rede Meio Norte, a delegada afirma que “foi instaurado Inquérito Policial, tendo sido ouvidas a vítima, sua mãe e demais testemunhas e interrogado o suspeito, enfim todo o procedimento foi concluído e encaminhado para a Justiça, inclusive com o indiciamento deste”. Ainda conforme a nota, o “caso envolve menor e está em segredo de justiça”.


Jovem suspeito de estuprar a menor (Crédito: Rede Meio Norte)

Confira a nota na íntegra!
"Em relação à denúncia Crime de Estupro de Vulnerável ocorrido no ano de 2015, nesta cidade de São Raimundo Nonato, feita pela genitora da menor, venho por meio de nota esclarecer que após o Registro do Boletim de Ocorrência, datado de 03 de julho do ano em curso, por não ser caso de prisão em flagrante, foi instaurado Inquérito Policial, tendo sido ouvidas a vítima, sua mãe e demais testemunhas e interrogado o suspeito, enfim todo o procedimento foi concluído e encaminhado para a Justiça, inclusive com o indiciamento deste. Cumpre salientar que como o caso envolve menor e está em segredo de justiça, a Autoridade Policial não irá fornecer maiores detalhes sobre o assunto."

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google