02/05/2017

Polícia prende cinco e um morre durante confronto no Sul do Piauí

Divulgação/SSP-PI 

Uma tentativa de assalto a agência dá Caixa Econômica Federal de Canto do Buriti foi abordada por uma operação policial na madrugada desta terça-feira (2). De acordo com o secretário de Segurança, Fábio Abreu, cinco pessoas foram presas e uma morreu durante confronto com os policiais. 

"A operação foi uma ação antecipada a um ataque contra uma instituição financeira no Sul do Estado. Recebemos a informação através do Serviço de Inteligência da Polícia do Maranhão e há duas semanas estamos na região. Nos últimos dias, tivemos a certeza de que a ação criminosa seria na cidade de Canto do Buriti", disse Abreu. 

Os suspeitos foram identificados como Lucas Pontes da Silva, Gilmar dá Silva Pinto, Maycon Pereira de Sousa, Wellington Abreu Lima e Cícero Tavares dá Silva. O morto foi reconhecido como Uberlandio Pereira Prospero, e já havia sido preso em 2015 pela mesma prática de crime. 

"Eles haviam alugado casas e acreditamos que após o roubo permaneceriam na cidade e só pretendiam sair depois que as coisas acalmassem. Nossa ação foi bem sucedida pois evitamos que a instituição fosse destruída, que pessoas ficassem em risco", explica o secretário. 

O flagrante está sendo realizado em Floriano. Os suspeitos devem ficar presos na penitenciária do município. 

Fábio Abreu disse ainda que outros dois suspeitos estão foragidos e as investigações continuam. 

Divulgação/SSP-PI 

O coordenador da Greco, o delegado Williane Morais, disse que os suspeitos participavam de uma quadrilha interestadual: Piauí, Pernambuco e Maranhão. 

"Durante a operação também apreendemos armas, munição e coletes a provas de balas. Os suspeitos estavam em dois carros roubados. Nós já estávamos fazendo o monitoramento deles e decidimos agir antes dá ação deles", declarou o delegado. 

Divulgação/SSP-PI 

Cinco pessoas foram presas e um morto em confronto policial na manhã desta terça-feira (02) no município de Canto do Buriti. A operação foi deflagrada pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) com objetivo de desarticular uma quadrilha interestadual acusada de roubos a instituições financeiras. 

A operação ainda está em andamento. Durante a incursão policial foram apreendidos veículos, armas, munições, bala clava e coletes. 

Graciane Sousa e Carlienne Carpaso
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Curta