28/12/2021

Homem sofre tentativa de homicídio no PI; Polícia suspeita de vingança por morte de ex-mulher

De acordo com a Polícia Civil, o suspeito de cometer o crime é parente da ex-esposa de Sebastião, Eliane Lima, que teria morrido durante uma briga contra ele em 2019. Em 2020, ele foi condenado a 4 anos de prisão em regime semiaberto.

Hospital de Urgência de Teresina (HUT). — Foto: José Marcelo/ G1 PI

Sebastião Vieira de Sousa, de 34 anos, sofreu uma tentativa de homicídio durante a noite de segunda-feira (27), em Campo Maior. De acordo com a Polícia Civil, o suspeito de cometer o crime é parente da ex-esposa de Sebastião, Eliane Lima, que morreu durante uma briga contra ele em 2019.

O crime aconteceu na noite de segunda-feira, no bairro Matadouro. Sebastião foi encontrado na rua, bastante ensanguentado. Segundo o policial civil Baker Martins, um exame pericial deve precisar quantos disparos de arma de fogo atingiram Sebastião.

Ele foi socorrido no Hospital de Campo Maior e encaminhado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). Ainda segundo Baker, além de responder pela morte de Eliane Lima, Sebastião tem passagens pela Polícia por crimes de furto e roubo.

Ainda na segunda-feira (27) os policiais civis iniciaram a investigação e conseguiram identificar o suspeito de ser o autor dos tiros, que seria parente de Eliane Lima.

“Já temos o inquérito aberto e todos identificados. Estamos investigando e ouvindo testemunhas do crime na manhã de hoje”, comentou o policial Baker.

Relembre o caso
Durante briga em Campo Maior, homem empurra ex-companheira que bate a cabeça e morre na hora — Foto: Walter Júnior/TV Clube

Eliane Lima morreu após ter sido agredida e bater a cabeça em uma calçada na tarde do dia 22 de setembro de 2019, em Campo Maior. Sebastião Vieira de Sousa, na época ex-companheiro da vítima, teria empurrado Eliane contra o chão durante uma discussão. Após ser preso, ele confessou o crime.

“Eles estavam bebendo juntos, próximo ao Mercado Central de Campo Maior e tiveram uma discussão. Ele a agrediu, ela caiu e bateu a cabeça no calçamento. Sebastião tentou fugir, mas foi preso no bairro Matadouro”, contou o comandante da PM de Campo Maior, major Etevaldo Alves, na época do crime.

Em 2020 ele foi condenado a 4 anos de prisão em regime semiaberto. A Justiça considerou que Sebastião teria empurrado Eliane para se defender de agressões dela, durante a discussão entre os dois, e não teve a intenção de matar. Atualmente, ele cumpria a pena em regime semiaberto.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing