27/03/2018

Associação é alvo de criminosos pela 5ª vez em um mês: 'levaram até as carnes'

Foto: Maelson Ventura

Após ser roubada pela quinta vez somente este mês, a Associação de Pais e Amigos de Deficiente Auditivos de Teresina (Apada) está com dificuldades para se reestruturar com a série de crimes. Segundo a professora Lurdes Ribeiro, até as carnes do local foram levadas.


A Apada, fica localizada na Rua Jônatas Batista, Centro Norte de Teresina. No local, cerca de 300 crianças com problemas auditivos, microcefalia e Síndrome do Down são atendidas diariamente, em serviços de psicologia, fonoaudiologia, fisioterapia, terapia ocupacional e assistência social.

O último crime registrado no local aconteceu no sábado (24/03), onde a Apada foi invadida através das entradas dos ar-condicionados antigos. Segundo a professora Lurdes, foi um grande susto ver o local todo destruído. “Sou professora de Libras e não tive condições de dar aula e só conseguimos naquele momento chamar uma pessoa para vir fechar os buracos feitos”, disse.


Foto: Maelson Ventura

Entre os anos de 2003 e 2005 a Apada tinha segurança feita por policiais, mas depois deste período, foi necessário pagar uma pessoa para fazer isso, mas o homem responsável pela segurança só fica no local durante o dia.

Ainda não foi contabilizado todo o prejuízo, mas até o momento sabe-se que os aparelhos eletrônicos foram os alvos dos criminosos. Além destes itens, até as comidas que são servidas para as crianças do local foram levadas. “Levaram até as carnes delas, frango, arroz, que tinha na cantina, o micro-ondas”, lamenta a professora.


Professora Lurdes Ribeiro Foto: Maelson Ventura

Após o roubo, foram gastos cerca de R$ 190,00 só em cadeados e novas trancas para reforçar a segurança. 


Foto: Maelson Ventura

Foto: Maelson Ventura

Fonte: 180

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google