21/02/2018

Exame confirma que cadáver achado às margens de BR era de acusado de sequestro


O exame necropapiloscópico confirmou que o cadáver encontrado às margens da BR-316 era José de Zeino. O delegado Francisco Costa, o Baretta, coordenador da Delegacia de Homicídios, ainda aguarda o resultado do laudo cadavérico que identificará as causas da morte e há quanto tempo havia ocorrido o crime. 


"Estamos esperando o resultado do laudo para saber como ele morreu e vamos investigar por quê ele foi morto", disse Baretta. 

A identificação do cadáver foi realizada comparando as impressões digitais com as que constavam no documento de identificação dele, encontrado junto ao corpo.

O corpo foi encontrado próximo à BR-316, na altura do Rodoanel de Teresina, semana passada e estava em avançado estado de decomposição. Na roupa da vítima, a polícia encontrou documentos em nome de José Zeino Coelho da Silva que responde criminalmente a processos no Piauí e Maranhão. 

Ele era acusado de integrar organização criminosa interestadual que atuava em sequestro e assaltos a bancos. Entre as acusações estava o planejamento do sequestro de um empresário em Teresina em 2006.


Graciane Sousa
gracianesousa@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google