11/01/2023

Parque Nacional Serra da Capivara é indicado a Patrimônio Natural da Humanidade

Caso o Parque Serra da Capivara obtenha o novo título, ele se tornará Patrimônio Misto da Humanidade, sendo reconhecido por sua cultura e natureza.

O Parque Nacional da Serra da Capivara reúne espécies de três biomas: além da caatinga, também a Mata Atlântica e a floresta amazônica — Foto: Celso Tavares/G1

O Parque Nacional Serra da Capivara, no Sul do Piauí, foi indicado para se tornar Patrimônio Natural da Humanidade. O local já possui o título de Patrimônio Cultural da Humanidade, desde 1991, pela Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

Foram indicados outros sítios naturais brasileiros para receber também a designação de patrimônio natural como Lençóis Maranhenses (MA); Parque do Itatiaia (RJ); Parque Raso da Catarina (BA); Parque Cavernas do Peruaçu (MG); Banhados do Taim (RS) e Serra Divisor (AC).

A chefe do Parque Serra da Capivara, Marrian Rodrigues, informou que, em 2003, foi produzido um inventário sobre o local para concorrer ao título. “O parque já tinha sido indicado para se tornar patrimônio natural em 2003, mas não foi registrado”, afirmou.

Caso o Parque Serra da Capivara obtenha o novo título, ele se tornará Patrimônio Misto da Humanidade. Atualmente, somente Paraty e Ilha Grande, no litoral do Rio de Janeiro, são reconhecidos por sua cultura e natureza.

Sobre o parque
Detalhe de pintura pré-histórica no Parque Nacional da Serra da Capivara. — Foto: Celso Tavares/G1

O Parque Nacional Serra da Capivara foi fundado no dia 5 de junho de 1979 como uma unidade de conservação de uso integral. Com 130 mil hectares e mais de 1.200 sítios com arte rupestre, pinturas que foram feitas em rochas e paredes de cavernas há milhares de anos, atrai cientistas e turistas de todo o mundo.

Os trabalhos realizados no parque pela equipe da arqueóloga Niède Guidon, presidente da Fundação Museu do Homem Americano (Fumdham), foram fundamentais para comprovar que os primeiros homens a chegarem na América datam de cerca de 100 mil anos.

Museu da Natureza resgata milhões de anos da história do planeta — Foto: Reprodução/JN

No parque é possível encontrar registros rupestres pré-históricos, especialmente as pinturas gravadas nas rochas com cenas de caça, sexo, guerra e outros aspectos da vida cotidiana.

O local ainda tem cânions gigantescos que chegam aos 200 metros de altura, além de belíssimos platôs. Os paredões são resultados da movimentação das placas tectônicas da Terra há cerca de 200 milhões de anos.

Museu do Homem Americano conta história da humanidade — Foto: Pedro Santiago/G1

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing