06/09/2022

Recenseador do IBGE tem equipamento roubado durante trabalho em Parnaíba

O recenseador foi vítima de um assalto que aconteceu na manhã desta segunda-feira (05).

Viatura da Polícia Militar do Piauí. Foto: Ricardo Moraes.

Um recenseador do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística - IBGE, identificado apenas como Marcelo, teve seu equipamento roubado na manhã desta segunda-feira (05), por volta das 11h, em um assalto no Residencial Simplício Dias, no Bairro Conselheiro Alberto Silva, em Parnaíba. A informação foi confirmada pelo Coordenador de Subárea do IBGE, Clayton Villar.

O recenseador realizava os trabalhos de pesquisa do Censo Demográgifo 2022 na região, quando foi abordado por dois homens em uma motocicleta que anuciaram o assalto. Os suspeitos levaram o Dispositivo Móvel de Coleta, além da bolsa, boné e crachá. Os suspeitos estavam armados.

Em um áudio (ouça áudio abaixo) que circula em grupos de WhatsApp, a prórpia vítima relata que os criminosos levaram também sua calça comprida e os tênis, porém essa informação não foi confirmada. "Eu estava fazendo o meu serviço em frente a casa da quadra H1, casa 11, marcando a coordenada que eu tenho que voltar nas casas quatro vezes, e no momento em que eu tava fazendo o meu serviço chegou dois caras numa moto fan preta, colocaram o revólver na minha cabeça, e levaram meu celular, a minha calça comprida, meu tênis [...] levaram o tablet também do IBGE, levaram a minha bolsa", disse a vítima.

O infocopiaui.com apurou que quanto aos dados coletados nos Dispositivos Móveis de Coleta (DMCs), que são criptografados, o IBGE garante a total integridade e sigilo por meio de procedimentos adotados para impossibilitar a utilização dos equipamentos por pessoas externas ao órgão, e que são protegidos por senha.

A Polícia Militar foi acionada e realizou diligências na região, mas até o momento ninguém foi preso. Diante dos fatos, o recenseador vítima do assalto registrou um Boletim de Ocorrência.

Para identificar os recenseadores, fique de olho nas dicas do próprio IBGE:

Segundo o Instituto, os entrevistadores devem estar sempre identificados com um crachá contendo o nome completo e a matrícula.

Tendo acesso a essas informações, é possível confirmar se aquela pessoa está de fato a serviço do Censo, registrado e apto a fazer a coleta de dados. Para isso basta acessar este link e inserir as informações ou entrar em contato com o IBGE pelo telefone 0800 721 8181.

Além do crachá, os trabalhadores podem estar usando colete, boné e uma bolsa com a identidade visual do Censo. Eles possuem em mãos, ainda, o Dispositivo Móvel de Coleta (DMC), que é um celular disponibilizado pelo Instituto para que as informações sejam digitalizadas. O IBGE também disponibilizou máscaras descartáveis aos recenseadores.

Como identificar o recenseador ou recenseadora. Foto: Reprodução.

Fonte: Blog Infoco Piauí

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing