09/09/2022

Jovem é morto a tiros e pai fica ferido, no Piauí

O pai de Francisco Jonnes ficou com uma bala alojada na região do quadril e, provavelmente, não vai recuperar o movimento das pernas, segundo boletim médico

Jovem foi morto a tiros em Castelo do Piauí - Foto: Ronaldo Mota/Rede Meio Norte

Um jovem identificado por Francisco Jonnes Pereira de Sousa, de 22 anos, foi assassinado a tiros na madrugada desta sexta-feira (9), no município de Castelo do Piauí, a 190 km de Teresina, na região Norte do Piauí.

A vítima estava acompanhada do pai identificado por Francisco Soares de Sousa, de 43 anos, que também acabou sendo baleado na ação criminosa.

De acordo com informações do repórter Ronaldo Mota, da Rede Meio Norte, o pai foi levado para um hospital de Castelo do Piauí, mas logo em seguida foi transferido para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT). O homem ficou com uma bala alojada na região do quadril e, provavelmente, não vai recuperar o movimento das pernas, segundo boletim divulgado pelo hospital de Castelo.

Já o filho de Francisco Soares, morreu ainda no local do crime, próximo a linha férrea de Castelo do Piauí. De acordo com informações da Polícia Militar, dois homens em uma motocicleta modelo Honda Pop100, de cor branco, teriam chegado próximo às vítimas e efetuado os disparos.

Francisco Jonnes possuía diversas passagens pela polícia por conta de crimes de furtos e roubos na cidade, além de envolvimento com o tráfico de drogas. A motivação do crime ainda é desconhecida, mas a principal hipótese é que os dois tenham sido mortos por conta de dívidas com outros criminosos.

A PM isolou a cena do crime e acionou os agentes do Instituto de Criminalística de Teresina, que realizaram perícia no local. O corpo foi removido pelo Instituto de Medicina Legal (IML). A Polícia Civil do Piauí ficará responsável por investigar a autoria do crime.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing