19/08/2022

Suspeitos de matar subtenente da PM durante assalto em Teresina são presos

O celular do policial foi localizado com um dos investigados, que apontou o nome de outros duas pessoas, que foram conduzidas para o DHPP.

Suspeitos de matar subtenente da PM durante assalto em Teresina são presos (Foto: Meio Norte)

Três indivíduos suspeitos de envolvimento na morte do subtenente da Polícia Militar Luís Celso da Costa Ferreira Neto, de 52 anos, durante um assalto na noite de ontem no bairro Nova Brasília, na zona Norte de Teresina, foram presos na manhã desta sexta-feira (19). O celular do policial foi localizado com um dos investigados, que apontou o nome de outros duas pessoas.

Os suspeitos foram conduzidos até o Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP) para os procedimentos cabíveis. Em entrevista à TV Meio Norte, o comandante do 9° Batalhão, coronel Lacerda, onde Luís Celso era lotado, explicou que a ação se deu em diligências conjuntas entre a Polícia Civil, militar e Força Tarefa.

“Desde ontem que a gente está diligenciando e trocando informações. Polícia Militar, civil e Força Tarefa. Hoje a gente conseguiu localizar o celular do policial militar na mão de um dos indivíduos. Este declinou o nome de mais duas pessoas que poderiam ter participado do crime. Trouxemos todos para cá para os esclarecimentos dos fatos para que não deixe nenhuma margem de dúvida de quem cometeu esse crime covarde”, disse.

Luís Celso da Costa Ferreira Neto foi morto na Rua José Santana, quando foi abordado por dois indivíduos que vinham andando. Ele estava com a esposa no momento do crime. Ainda segundo o comandante do 9° BPM, a arma de fogo do subtenente não foi recuperada, mas houve o declínio de onde e com quem poderia estar e a polícia segue diligenciando.

Veja o momento em que os suspeitos chegam no DHPP:


“Houve um declínio de quem poderia estar (com a arma) e vamos preservar o nome para que não atrapalhe as investigações da Polícia Civil. Mas já foi apreendido o celular com um dos elementos. Já é um caminho para esclarecer os fatos. Um declinou só o nome de participantes, mas não assumiu de fato o crime. Com certeza vamos chegar a todos os autores”, destacou o coronel Lacerda.

Vídeo mostra suspeitos que mataram subtenente

Imagens de câmeras de segurança mostram o momento em que os dois suspeitos de matarem o subtenente Luís Celso com um tiro na cabeça na noite de quinta-feira (18), caminham pela rua José Santana, no bairro Nova Brasília, na zona Norte de Teresina, onde aconteceu o crime.

As imagens foram feitas momentos da dupla abordar o subtenente e sua esposa, que transitavam em uma motocicleta. No registro, é possível verificar que um dos elementos usa um chapéu. O crime ocorreu no momento em que o PM seguia em uma moto levando a esposa na garupa quando foi rendido pelos suspeitos que chegaram a pé. Quando viram que haviam abordado um policial, um dos acusados atirou na cabeça de Luís Celso.


Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing