14/07/2022

Jovem é preso ao aplicar golpe do falso Pix e causar prejuízos a comerciante, no Piauí

Foto: Polícia Civil

Um jovem de 18 anos foi preso em Uruçuí (460 km de Teresina) na noite desta quarta-feira (13) suspeito de aplicar o golpe do falso PIX na cidade. Segundo levantamento da Delegacia Regional de Uruçuí, em um único estabelecimento, o suspeito, que não teve a identidade revelada, causou um prejuízo de aproximadamente R$ 3 mil.

Aos policiais que efetuaram a prisão em flagrante, o jovem afirmou que trabalha como ajudante de pedreiro. Segundo a polícia, o golpe estava sendo realizado desde o início de junho e só foi descoberto após o dono do estabelecimento perceber que o dinheiro das transações não estava caindo na conta.

“Esse estelionatário realizava compras neste estabelecimento e no momento de pagar mandava o comprovante falso. Ele foi criado em um aplicativo similar ao do banco original. Parecem verdadeiros. Uma das vítimas conseguiu perceber que o pagamento não estava caindo e nos relatou”, destacou o delegado Natan Cardoso.

Ainda segundo o delegado de Uruçuí, o jovem teria aprendido a confeccionar comprovantes falsos de PIX por meio de vídeos na internet.

Diante das informações, os agentes de Polícia Civil da Delegacia de Uruçuí montaram uma operação e conseguiram prender o ajudante de pedreiro em flagrante.

“Ele comprava lanches, red bull, refrigerantes, pizza. Já vinha realizando esse crime desde o início de junho. Eram pedidos altos, mais de 100 a 150 reais por pedido. Fez isso várias vezes até ser descoberto”, frisou o delegado Natan Cardoso.

Como identificar comprovantes falsos
A população precisa estar atenta a essa nova modalidade de golpe. Para isso, o delegado deu algumas dicas de como evitar ser vítima desses estelionatários.

“Muitos comprovantes vem com uma grafia diferente. Esse último compartilhado pelo preso ontem, por exemplo, tinha dois ‘as’ em itálico em um banco que não tem essa grafia. É um erro que precisa ser observado”, explicou o delegado.

Além disso, o fato mais importante, segundo o delegado Natan Cardoso, que deve ser observado pelo comerciante é com relação ao depósito do dinheiro. Uma vez que o PIX é instantâneo e o dinheiro deve cair na conta do estabelecimento no menor curto espaço de tempo.

“Para isso é importante que a pessoa ative as mensagens do banco. Assim, quando o dinheiro cair vai chegar uma mensagem de texto”, reforçou o delegado.


Nataniel Lima
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing