30/07/2022

DHPP investiga se homem morto no Piauí, atuava como ‘matador de aluguel’

Foto: Renato Andrade / Cidadeverde.com

O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) investiga se Ramiro Pessoa da Silva, de 47 anos, atuou como ‘matador de aluguel’ no estado de Pernambuco anos atrás. O homem foi morto a tiros por volta das 20h30, desta quinta-feira (28), próximo ao portão de uma vacaria onde trabalhava, no bairro Angelim, zona Sul de Teresina.

Segundo o coordenador do DHPP, Francisco Costa, o Baretta, a vítima estava chegando na vacaria quando foi morto a tiros. Segundo relato da mulher de Ramiro aos policiais, a vítima chegou ao portão do local e parou para abrir quando um homem ainda não identificado saiu do matagal e efetuou diversos disparos de arma de fogo contra a vítima.

“Conseguimos levantar que esse rapaz, anos atrás matou pelo menos duas pessoas em Pernambuco. Segundo as informações, ele fazia parceria lá em morte de aluguel. Não estou dizendo que isso tem relação com o crime, mas serão investigadas todas as hipóteses”, informou o delegado ao Cidadeverde.com.

A mulher da vítima informou ainda que nenhum pertence de Ramiro Pessoa foi levado durante o crime. O que a princípio dá aos policiais indícios de que o crime foi premeditado. Contudo, o delegado Baretta reforçou que nenhuma linha de investigação será descartada no momento.

“Temos que verificar se o crime trata-se de um homicídio ou latrocínio. E não sabemos se esse crime tem relação com vingança ou se realmente o crime nasceu ali ou foi criado anteriormente”, acrescentou o delegado.

Ramiro Pessoa da Silva era natural de Pedra, em Pernambuco, e vivia com a mulher no Piauí há alguns anos. Os dois trabalhavam na vacaria e moravam no bairro Promorar, zona Sul da cidade.

O caso será investigado pelo DHPP, através do delegado responsável pela área da zona Sul de Teresina, Danúbio Dias.

Nataniel Lima
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing