13/04/2022

Policial atira em equipe do DHPP durante cumprimento de mandado contra o neto, no Piauí

Foto: Arquivo/Cidadeverde.com

Um policial civil foi preso em flagrante na manhã desta quarta-feira (13) após atirar contra uma equipe do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), na Santa Maria da Codipi, zona Norte de Teresina. Os agentes cumpriam um mandado de prisão contra o neto do policial, que é suspeito de participação em um homicídio, quando foram surpreendidos pelo disparo e por xingamentos.

Juarez de Sousa Pereira, que é lotado no 22º DP, acabou contido e preso pelos policiais. Ele foi conduzido à sede do DHPP e responderá por porte ilegal de arma de fogo e desacato.

“Quando a equipe cercou a casa para efetuar a busca, houve um disparo por parte desse policial. os policiais contiveram ele, que, inclusive, lançou palavras pejorativas contra os agentes e contra o delegado. Está sendo autuado por porte ilegal de arma de fogo, disparo e desacato”, relatou o coordenador do DHPP, delegado Francisco Baretta.

O policial Juarez de Sousa Pereira deve passar por audiência de custódia ainda nesta quarta-feira.

O neto do policial, que era o alvo do mandado de prisão, não foi localizado pelas equipes do momento ação na manhã de hoje. Ele é suspeito de participação no assassinato de um frentista em novembro do ano passado, em um posto de gasolina na Avenida João XXIII.

“A justiça, para ser boa, começa de casa. Aqui não tem conversa. Pode ser policial civil, militar, rodoviário, guarda municipal, inspetor de quarteirão. Estando errado, está errado", destacou o coordenador do DHPP.

Natanael Souza
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing