08/04/2022

Corpo do advogado Raimundo Siqueira ainda não foi encontrado

O advogado foi assassinado a tiros, na noite dessa quarta-feira (06), na zona rural de Luís Correia.

Foto: Reprodução/WhatsApp/Raimundo Jose Costa Siqueira

O corpo do advogado Raimundo José Costa Siqueira, 41 anos, que foi assassinado a tiros, na noite dessa quarta-feira (06), na zona rural de Luís Correia, litoral do Piauí, ainda não foi encontrado.

O policial identificado como Anderson, que estava com o advogado, relatou à polícia que estava levando Raimundo José no seu veículo, uma caminhonete S10, quando por volta de 20h os dois foram surpreendidos por quatro indivíduos que se passaram por policiais e estavam armados com fuzis.

Os criminosos então pediram que Anderson entregasse a arma e efetuaram três disparos de arma de fogo contra Raimundo Siqueira, sendo dois no peito e um na cabeça. O advogado não resistiu aos ferimentos e morreu no local do crime. Já o policial Anderson acabou sendo baleado na perna. Ele fugiu para um matagal e só saiu de lá por volta de 5h desta quinta-feira (07).

Após o crime, os bandidos se evadiram com o veículo S10 e duas armas do policial militar, mas abandonaram o carro e o incendiaram ainda na noite de ontem. O carro foi encontrado hoje pela manhã em Chaval-CE, mas o corpo do advogado não estava dentro.

Prisão

O advogado Raimundo José Costa Siqueira foi preso em fevereiro de 2019 pelos crimes de estelionato e falsidade ideológica. Ele era proprietário de uma autoescola e foi acusado de aplicar golpes contra alunos que tentavam tirar CNH.

De acordo com a investigação da Delegacia de Combate aos crimes contra o Patrimônio (DEPATRI), Raimundo José adquiriu a autoescola em 2017 e continuou a utilizá-la em nome da antiga proprietária, apesar de a empresa não estar mais credenciada pelo Departamento Estadual de Trânsito (Detran).

Fonte: GP1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing