24/11/2021

Suspeito de participação na morte de taxista após tentativa de assalto é preso, Piauí

A Polícia Civil informou que o homem emprestou o seu carro para os criminosos que mataram o taxista realizarem assaltos na capital.

Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) em Teresina, Piauí — Foto: Lucas Marreiros/g1

Um homem foi preso na manhã desta terça-feira (23) suspeito de ter participado do assassinato do taxista Geovani Soares Barroso, de 35 anos, após uma tentativa de assalto no Parque Ideal, Zona Sudeste de Teresina. O crime aconteceu no dia 19 de outubro deste ano.

Os policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) cumpriram um mandado de prisão preventiva contra o suspeito no bairro Colorado, também na região sudeste da capital.

As investigações apontaram que o homem foi responsável por emprestar o seu carro aos criminosos que mataram o taxista durante uma tentativa de roubo. Após o assassinato, o dono do veículo registrou um boletim de ocorrência com o objetivo de, segundo a polícia, encobrir a participação no latrocínio, mas que acabou culminando em um segundo delito que é a comunicação false de crime.

O crime
Segundo a PM, Geovani estava saindo de casa quando foi abordado por criminosos que estavam em um carro e anunciaram o assalto. A vítima acabou reagindo e foi atingida com um na região do abdômen. Após o crime, os suspeitos fugiram do local e ainda não foram localizados.

O taxista chegou a ser encaminhado para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Renascença, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

No início do mês de novembro, dois homens foram presos suspeitos do crime. A prisão foi feita por policiais do DHPP que localizaram os suspeitos na zona Sudeste de Teresina, um no Jardim dos Pássaros e o outro na região do bairro Araguaia.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing