07/02/2021

Em coletiva de imprensa, Mão Santa reafirma seu apoio aos que querem trabalhar



Em coletiva de imprensa, realizada na sexta-feira (05) em seu Gabinete, o Prefeito Francisco de Assis de Moraes Souza, Mão Santa, declarou apoio ao Decreto do Prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, que flexibilizou algumas medidas do Decreto do Governador do Estado, Wellington Dias.

Mão Santa se disse injustiçado por ter sido multado várias vezes por tentar defender o direito do povo ao trabalho. “Senti que havia uma grande necessidade do nosso comércio funcionar e do nosso povo trabalhar. É muito fácil para aqueles que vivem à custa de dinheiro público e ganhando acima do que a Lei permite. É muito fácil, mas eu conheço o outro lado, o lado das pessoas que precisam trabalhar para manter seus negócios e sustentar suas famílias”, destacou Mão Santa.

“É nesse contexto que eu aplaudo o Dr. Pessoa, pois ele foi amparado pela Justiça, enquanto que eu fui “amarrado” aqui em Parnaíba. Tudo que eu fazia era multa, multa e mais multa, sendo que eu não tenho dinheiro para pagar essas multas, pelo simples fato que eu não roubei e nunca ganhei acima do que a Lei permite. Mas quero dizer que iremos continuar lutando por todos aqueles que retiram do suor do seu rosto o sustento de suas famílias. Por isso, Dr. Pessoa, quero lhe parabenizar nesse momento”, disse.

Na ocasião, Mão Santa parabenizou também o Juiz da 1ª Vara dos Feitos da Fazenda Pública, Aderson Antônio Brito Nogueira, que manteve a eficácia dos decretos municipais nº 20.556/2021 e nº 19.548/20 da Prefeitura de Teresina, que tratam sobre o funcionamento do comércio, bares e restaurantes na capital.

Supcom - PMP
Por Walter Fontenele

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing