06/10/2020

Homem acende cigarro após higienização com álcool e sofre queimaduras junto com a esposa no PI

Mulher sofreu queimaduras no braço e na perna, enquanto o marido teve queimaduras no rosto e na cabeça. Os dois receberam atendimento médico. Ela foi liberada e ele continua internado.

Vítima de queimadura — Foto: ASN

Aécio Lourenço de Melo, 35 anos, sofreu queimaduras após acender um cigarro no domingo (4), em Oeiras. A esposa dele, Flaviane da Silva Rodrigues de Melo, 37 anos, que também teve queimaduras, relatou ao G1 que o acidente aconteceu depois que eles haviam feito higienização com álcool.

"Quando chegamos em casa, como tínhamos vindo da rua, usamos um borrifador de álcool. Ele foi acender um cigarro e pegou fogo", contou Flaviane.

Ao ver o companheiro em chamas, a mulher tentou ajudar. "Como não dava para correr e molhar um lençol, minha reação foi tirar a camisa dele e por isso ele acabou queimando o rosto e a cabeça", disse.

"Depois cobri ele com um lençol seco mesmo e joguei um pouco de água nele", relatou Flaviane, que sofreu queimaduras no braço e na perna.

Os dois foram socorridos e atendidos na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Oeiras. Flaviane teve alta médica horas depois e está em casa, medicada.

“Dói demais, queima, quando toma o remédio dá uma amenizada, mas quando vai passando o efeito volta a queimar de novo”, afirmou Flaviane.

As queimaduras de Aécio foram mais complexas, portanto ele foi transferido para Teresina. “Falei com ele nesta segunda (5) e ele está bem, sendo tratado em um local próprio para queimaduras”, contou Flaviane.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing