13/05/2020

Médico denuncia que gestores do Piauí não querem aceitar protocolo que diminui mortalidade por coronavírus


O Médico Anatóle Borges denuncia que gestores públicos no Piauí não querem aceitar o protocolo científico à base de Hidroxicloroquina e Corticoterapia que tem diminuído a taxa de mortalidade e internação em Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) de pacientes infectados pelo coronavírus. Clique e baixe o documento: CORTICOTERAPIA SARSCOV2 – VERSAO FINAL.pdf

O profissional revela que há semanas um grupo de médicos vem tentando junto aos gestores municipais e estaduais a importância do tratamento nas fases iniciais da doença. Porém, diz o médico, os gestores se negam a aceitar os resultados positivos que são encontrados não só na Espanha, mas também na Itália e na França.

“São inúmeros os Centros Médicos que tem demonstrado resultados positivos com o uso precoce da Hidroxicloroquina e Corticoterapia em altas doses na COVID-19, em especial nas fases iniciais da doença. Até quando nossos gestores fecharão os olhos para essa realidade? Quantas vidas serão perdidas até que se alcance pesquisas com evidência nível A em um período de Pandemia? Vamos pressionar nossos gestores para essas respostas”, escreveu no Instagram.

(Feitosa Costa)

Um comentário:

  1. A CONDUTA DUVIDOSA E O MAU CARÁTER DOS POLÍTICOS. A cloroquina no início da doença cura 99,99% dos casos. Mas isso governador e prefeito não querem. As estatísticas de morte são mais importantes para justificar as medidas arbitrárias. Abre o olho povo. Políticos não estão preocupados com a tua saúde, mas em quebrar à economia do Estado e te colocar na fila da ração. Governador e prefeito avançam no direito sagrado de locomoção e as pessoas estão aceitando. Cuidado, pois amanhã o governador e o prefeito vão determinar que as pessoas fiquem em casa sem desculpa de “pandemia”. As pessoas precisam trabalha e NÃO tem “pandemia” que limite o direito sagrado das pessoas de trabalhar. O nazismo e o comunismo começaram assim. A fome, a violência e a miséria vão matar mais que à pandemia. Mas o controle é mais efetivo com as massas na miséria. Abre o olho povo enquanto há tempo.

    ResponderExcluir

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing