17/03/2020

FMS nega informação de casos de coronavírus confirmados na capital

Reprodução/ FMS

Em nota, a FMS disse a informação não é verdadeira, uma vez que, em Teresina, não há nenhum caso confirmado da doença. Governador pede que fake news sobre o Covid-19 sejam investigadas pela Segurança

Circulou nas redes sociais nesta segunda-feira (16), um documento, aparentemente da Fundação Municipal de Saúde (FMS), informando que em Teresina teria supostamente três casos confirmados de Coronavírus. Porém, a notícia era falsa. 

Em nota, a FMS disse a informação não é verdadeira, uma vez que, em Teresina, não há nenhum caso confirmado da doença. “Atualmente, a Fundação monitora 33 casos suspeitos, que encontram-se em isolamento e que aguardam resultados de exames, conforme determinam os protocolos do Ministério da Saúde’, diz trecho do comunicado.

A FMS disse ainda que manterá a população informada sobre a quantidade de casos na cidade. 

Veja a nota na íntegra:

Após circulação de notícia falsa de que, em Teresina, teria supostamente três casos confirmados de Coronavírus, a Fundação Municipal de Saúde (FMS) esclarece que esta informação não é verdadeira, uma vez que, em Teresina, não há nenhum caso confirmado da doença. Atualmente, a Fundação monitora 33 casos suspeitos, que encontram-se em isolamento e que aguardam resultados de exames, conforme determinam os protocolos do Ministério da Saúde. 

A FMS ressalta ainda que manterá a população informada sobre a quantidade de casos na cidade, conforme prevê a lei municipal 5.499/2020, sancionada pelo prefeito Firmino Filho. O objetivo é garantir a transparência do serviço público e viabilizar ações de cuidados por todos.

O governador Wellington Dias pediu nesta segunda-feira (16) o apoio da população para que não divulguem “fake news” sobre a propagação do Coronavírus no Piauí e autorizou a Secretaria de Segurança a investigar as pessoas que iniciam os boatos e que as divulgam nas redes sociais.

De acordo com o chefe do executivo piauiense, a situação é muito séria e envolve profissionais das mais diferentes áreas, tendo também um impacto econômico. “É uma situação em que precisamos lidar, principalmente, com a verdade. E a verdade no momento, é que nos exames já realizados no Piauí, não se confirmam nenhum dos casos. 

Com muita responsabilidade, cada pessoa que chega com os sintomas é colocada como caso suspeito, onde é feito o exame pela nossa equipe no estado do Piauí e encaminhamos para confirmação ou não dos laboratórios credenciados em Brasília. E até um momento não houve nenhuma confirmação”, declarou Wellington Dias. 

O governador aproveitou para chamar a atenção para que a população evite reproduzir fake news e reafirmou que todos dos protocolos do Ministério da Saúde estão sendo cumpridos.

“Considerando que todo os cuidados que temos tido é a fim de evitar que se tenha situação de pânico e de colocar as pessoas de qualquer área em situação constrangedoras. Temos trabalhado seguindo os protocolos e a legislação e pedimos o apoio da população para não disseminar mentiras, que só geram mais insegurança, o que não é razoável”, conclui.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing