12/02/2020

Falso delegado é preso no PI com arma, distintivo, colete e munição

A prisão ocorreu na região da Santa Maria da Codipi, na zona Norte de Teresina. 

Yasmim Cunha

Um falso delegado de polícia foi preso pelo Grupo de Repressão ao Crime Organizado (Greco) nesta quarta-feira (12). Na ação foram apreendidos armas, documentos e outros materiais que caracterizaram os atos ilícitos.

"Fizemos investigação de um sujeito que se passava por delegado. Identificamos o local onde estava morando. Ele nos recebeu com uma pistola na cintura", disse o delegado Tales Gomes, coordenador do Greco. 

No apartamento foram encontrados uma pistola calibre 380, carregadores, colete a prova de bala, carteira de delegado, algemas, munição e distintivo. O suspeito se apresentou como bacharel em direito e quando questionado sobre sua formação para delegado ele não respondeu. 

O delegado Tales Gomes afirmou que a carteira que o suspeito carregava era falsa e ele não tem nenhum documento que o legitime ser delegado de polícia. Ele disse ainda que o preso é suspeito de fazer parte de uma quadrilha de estelionatários que foi presa em Amarante com um carro roubado. 

Tales explicou que o preso é suspeito de se aproximar das vítimas para praticar crimes como o roubo de objetos de valores, além de se apresentar em outras ocasiões como advogado. 

''Nós acabamos de receber uma denúncia que o suspeito também se passava por advogado. Ele abordou uma vítima pedindo os documentos do carro para colocar o veículo a revisional. A vítima fez o pagamento do serviço e em seguida ele sumiu''. 

A Polícia informou que o suspeito vai responder por crime de estelionato e por porte ilegal de arma. O delegado Tales pede ainda que as vítimas procurem a sede do Greco para ajudar na conclusão do inquérito.

Graciane Sousa e Yasmim Cunha
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing