07/02/2020

Briga entre duas mulheres termina em morte no Piauí

Imagem: retirada do vídeo

Uma mulher identificada como Gleyciele Lima dos Santos é suspeita de matar a jovem Sandriani Reis Pintos da Silva, por volta das 21h do último domingo (2), no bairro Matinha na zona Norte da capital.
O crime aconteceu na Rua Noroeste que também é conhecida como Rua do Papoco.

Gleyciele tinha deixado a cadeia em janeiro e afirma ter agido em legítima defesa. A vítima Sandriani Reis levou uma perfuração na região do pescoço e não resistiu. Os policiais foram informados de uma possível motivação passional. A vítima e a suspeita de autora do crime se relacionavam com o mesmo homem, que reside perto de onde ocorreu crime.

Na manhã desta quinta-feira (06) o possível pivor da morte, o catador de latinhas Francisco das Chagas Marques prestou depoimento e a hipótese de ciúmes ganhou força.

Em entrevista ao Jornal do Piauí, ele relatou sobre o conflito entre as duas mulheres: ''Elas discutiram no trailler e a noite quando eu ia sair com a Graciele e a Franciele chegou. Eu pedi para ela ir embora, elas começaram a discutir e eu me retirei, quando eu retornei os vizinhos estavam pedindo socorro e a Sandriane estava no chão agonizando'', contou. 



Francisco das Chagas é conhecido pela polícia na atuação de tráfico de drogas e receptação, durante os levantamentos feitos pelos policiais foi descoberto que ele tem pelo menos seis companheiras e uma delas, Isalene Martins dos Santos era foragida do sistema prisional e foi presa durante as diligências. 

O caso segue sendo investigado pela sede do DHPP (Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa). 

Yasmim Cunha (Especial para o Cidadeverde.com)
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing