08/01/2020

Homens armados invadem casa no Piauí e fazem família refém


Uma família inteira foi feita refém por criminosos na tarde dessa terça-feira (7) na zona Leste de Teresina. Dois homens armados com revólver calibre 38 invadiram uma casa localizada na Rua Jornalista João Rocha Marinho, no bairro Ininga, e fizeram um "arrastão". 

O assalto aconteceu por volta de 13h30. A servidora pública e estudante de Direito, Nathana Martins, foi a primeira da família a ser abordada. Ela estava saindo de casa quando os assaltantes chegaram na porta da residência.

"Eu ia saindo de casa no meu carro quando, de repente, eles descem de um carro Sandero de cor preta e entram em casa. Na casa estavam minha mãe, meu pai, meu irmão e meus dois cachorros. Ficamos o tempo todo com arma apontada para a gente", conta Nathana. 

Os pais da servidora pública estavam dormindo e foram acordados pelos assaltantes, que invadiram o quarto para roubar celulares. "O tempo todo eles ficaram perguntando onde tinha joia e a gente não tem joia. Depois de roubar tudo, trancaram a gente dentro do quarto. Ninguém ficou ferido e eles não chegaram a agir com violência. Eu tentei conversar com eles, dizendo que sabia que a vida deles não era fácil. Eles pareciam agoniados para terminar logo", disse Nathana.

Câmeras de segurança flagraram o momento em que o carro Sandero usado pelos assaltantes fica dando voltas na rua.

Na ação, os criminosos roubaram notebook, celular, cordões de ouro e prata, bolsas,documentos e cartões da família. O carro de Nathana, um Fox de cor preta placa ODY 5111, também foi levado pelos assaltantes. Segundo a servidora pública, esta é a segunda vez em apenas seis meses que seu veículo é roubado.

"Há menos de seis meses fui seqüestrada no Ininga, na rua da minha casa. Eram três assaltantes e levaram meu carro", conta a Nathana, que conseguiu localizar o veículo em seguida.

Ainda ontem a jovem registrou Boletim de Ocorrência na Polinter (Polícia Interestadual) para tentar recuperar o carro novamente. 

Nathana acrescenta que assaltos na região onde mora acontecem "todo dia" e cobra mais policiamento no local. 

Izabella Pimentel
izabella@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing