16/08/2019

Celular carregando causa incêndio e destrói casa no Piauí


Um aparelho de celular carregando na rede de energia pode ter sido a causa de um incêndio que destruiu parte de uma casa, na tarde desta quinta-feira (15), no bairro Parque Universitário, zona Leste de Teresina. O imóvel estava fechado quando os vizinhos perceberam as chamas.

“A gente foi chamado para atender uma ocorrência no Parque Universitário por volta da 15h18, chegando lá fizemos a invasão na casa, pois não tinha ninguém e os proprietários se encontravam trabalhando”, relatou ao Cidadeverde.com, o tenente Arnaldo Vasconcelos, do Corpo de Bombeiros.

Segundo o tenente, o celular estava no quarto dos fundos em cima de uma cama. Com as chamas, o teto desabou.

“Estava pegando fogo em um dos quartos. Fizemos o arrombamento da porta e em seguida o combate às chamas. O teto chegou a cair e queimou uma cama de casal, guarda roupa e alguns utilitários como documentos”, disse.

Os proprietários chegaram logo em seguida e informaram ao Corpo de Bombeiros que a causa mais provável do incêndio foi o celular.

“A proprietária chegou de pois e nos disse que acredita que o incêndio foi causado pelo celular que ficou carregando na cama”, afirmou.

Este tipo de ocorrência, segundo o Corpo de Bombeiros é comum. O tenente alerta a população para evitar deixar aparelhos portáteis na tomada sem ninguém em casa.

“É um alerta que a gente faz. As pessoas têm o costume de deixar celular carregando, as vezes até ferro de passar. Esse tipo de incêndio é comum. O Corpo de Bombeiros orienta que as pessoas tenham atenção. Sempre que for sair fazer uma vistoria e verificar registro de gás, se não ficou nada no fogão, para que não seja surpreendido por incêndio. As pessoas teimam em insistir de deixar aparelho carregando e em cima de cama. Pegando fogo, as chamas se espalham rápido”, finalizou.

Hérlon Moraes
herlonmoraes@cidadeverde.com

Um comentário:

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing