07/06/2019

Seis casos de malária são confirmados no município de Joca Marques e mais 40 são investigados

Sesapi está fazendo tratamento preventivo na região para combater novos casos.


Alderico Tavares, superintendente de assistência de alta complexidade da Sesapi — Foto: Reprodução/TV Clube

A Secretaria de Saúde do Piauí (Sesapi) investiga 40 casos suspeitos de malária na cidade de Joca Marques, 254 km de Teresina. Seis casos já foram confirmados até o momento. Uma força-tarefa foi enviada ao município para averiguar a possibilidade de um surto.

O superintendente de assistência de alta complexidade da Sesapi, Alderico Tavares, disse que a secretaria municipal entrou em contato com a Sesapi para informar que algumas pessoas apresentaram sinais e sintomas da doença e normalmente são pessoas que viajam para fora do Piauí.

"São as pessoas que às vezes vão para outros estados para os garimpos e trazem essa doença para aquela região então foram 40 casos suspeitos, já estão confirmados seis casos de malária naquela região", disse.

A cidade receberá a pulverização de inseticida para combater e prevenir a presença do mosquito causador da doença. Os veículos equipados com borrifadores, os conhecidos "fumacê", percorrerão as regiões urbanas e rurais do município.

"O tratamento está sendo feito e aí nós conjuntamente traçamos uma forma de quebrar o ciclo do vetor do mosquito fêmea para que não aumentem os casos lá naquela região", disse Alderico Tavares.

"Fumacê" é forma de combater o mosquito. — Foto: Silvia Torres/TV Cabo Branco

A malária é causada por protozoários transmitidos pela fêmea infectada do Anopheles. Por isso, a principal forma de transmissão é a picada do mosquito. A doença também pode ser transmitida se usar uma seringa ou sangue contaminado pelo protozoário. A malária também não é contagiosa, não sendo transmitida de uma pessoa para outra.

Os sintomas são febre alta, dor de cabeça, tremedeira e calafrios. As pessoas que apresentarem esses sintomas devem procurar uma unidade de saúde. A malária tem tratamento gratuito ofertado em toda rede de saúde. Em caso de confirmação, o paciente deve seguir de forma correta o uso do medicamento para que o quadro não se agrave.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing