28/05/2019

Juiz conclui que Adélio Bispo tem transtorno mental e é inimputável


O juiz Bruno Savino, da 3º Vara Federal de Juiz de Fora, concluiu que Adélio Bispo de Sousa - autor da facada que feriu o presidente Jair Bolsonaro na campanha de 2018 - tem transtorno mental e é inimputável, ou seja, não pode ser punido criminalmente.

Segundo O Globo, na decisão o juiz diz que Adélio tem "transtorno delirante persistente", conforme atestado por médicos e peritos que trabalharam na investigação, incluindo a psiquiatra escolhida pelos advogados do presidente.

Contudo, a determinação é que o acusado permaneça no Presídio Federal de Campo Grande até o julgamento da ação penal. 

Leia a reportagem de O Globo.

Via 180

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing