25/04/2019

Presos fogem de penitenciária, assaltam merendeira e são pegos por moradores no Piauí

A vítima registrou o boletim de ocorrência no 14º Distrito Policial, que confirmou o caso. A Secretaria de Justiça não se posicionou sobre a fuga.

Rebelião na Penitenciária Major César em Teresina — Foto: Patrícia Andrade/G1

Dois presos da Colônia Agrícola Major César fugiram na manhã desta quarta-feira (24) e foram pegos por populares depois de assaltar uma merendeira próximo da Escola Municipal Dona Izabel Pereira, em Altos. A vítima registrou o boletim de ocorrência no 14º Distrito Policial, que confirmou o caso. A Secretaria de Justiça não se posicionou sobre a fuga.

"É comum este tipo de furto. Presos saem da penitenciária e fazem furtos na região. Hoje a nossa merendeira foi assaltada a 100 metros da escola, quando os populares pegaram os suspeitos no povoado Mucuim, na BR-343, tentando entrar de volta na Major César", contou a diretora da escola, Marizete Ârea Leal.

Segundo a diretora, o assalto aconteceu por volta das 6h30. Um dos suspeitos estava armado com uma faca, enquanto o outro xingou e ameaçou a merendeira caso ela não entregasse o celular e o relógio.

A Polícia Militar informou que a Companhia Independente de Policiamento Escolar (Cipe) foi acionada por volta das 8h30 e identificou os suspeitos René dos Santos Silva e Mateus Matos de Morais como os presos foragidos da Major César. Os pertences das vítima foram recuperados e os detentos encaminhados ao presídio.

"A gente pedi para que as autoridades reforcem a segurança e que os presos tenham punições mais severas, porque os assaltos deixa todos apreensivos", comentou a diretora.

Presos passaram pela cerca de arame para cometerem assaltos — Foto: Divulgação/Sinpoljuspi

Em 2015, o G1 contou a fuga de presos pela cerca de arrame da Colônia Major César para cometerem assaltos na cidade de Altos e depois retornaram para o presídio. A fuga só foi percebida após as vítimas acionarem a direção da unidade.

O Sindicato dos Agentes Penitenciários do Piauí (Sinpoljuspi) informou que a situação no presídio continua a mesma: estrutura precária e cerca de arrame danificada.

Fonte: G1/PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing