26/04/2019

Mulher é morta a facadas dentro de apartamento no Piauí; suspeito acionou PM



(Foto: Graciane Sousa/Cidadeverde.com)Faca apreendida no apartamento da vítima

Uma mulher identificada como Mônica Valéria Messias da Costa, 50 anos, foi morta dentro de um apartamento localizado no bairro Cristo Rei, zona Sul de Teresina. O crime aconteceu na madrugada desta sexta-feira (26). 

O suspeito do assassinato é o companheiro da vítima, Gil Carlos Moreira Rodrigues, 42. O coronel Maurício de Lacerda, comandante do 1° Batalhão da Polícia Militar, disse ao Cidadeverde.com que o crime tem características de feminicídio. Mônica foi morta com cinco facadas, uma na garganta e quatro na região abdominal. 

O suspeito foi preso em flagrante e, segundo o comandante, disse que “estava com a cabeça quente” no momento do assassinato. O crime teria ocorrido durante uma discussão motivada por ciúme. 

O companheiro de Mônica tinha uma perfuração no pescoço e foi encaminhado ao Hospital de Urgência de Teresina. A polícia ainda não sabe se ele tentou suicídio após o crime ou se foi ferido pela companheira durante a discussão. 

Os dois eram naturais de Floriano, no Sul do Estado, e moravam em Teresina.

O caso será investigado pelo Núcleo de Feminicídio do Departamento de Homicídio e Proteção a Pessoa. 

O delegado Walter Cunha, do DHPP, esteve no local de crime e apurou que o suspeito trabalhava fora do Estado e chegou ao apartamento da vítima dois dias antes do crime. Testemunhas contaram que ele mesmo acionou o Copom informando o feminicídio. A vítima foi encontrada com uma faca na mão. 

"A cena do crime demonstra que ela foi surpreendida. Não tinha sinais de arrastamento ou defesa. Ela foi morta na sala e estava com uma faca na mão que, provavelmente, foi colocada por ele mesmo que às 1h20 da madrugada, ligou informando o crime e também relatou a funcionários do prédio", disse o delegado. 

No apartamento foram apreendidos a faca usada na ação criminosa e eletrônicos como computador e celulares que serão periciados. 

A vítima morava no primeiro andar do condomínio.

Izabella Pimentel e Graciane Sousa
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing