25/03/2019

Ilha Grande registra maior volume de chuvas do Piauí e 10 famílias ficam desabrigadas

A prefeitura confirmou que nesta segunda-feira (25) irá decretar situação de emergência.

Casas ficaram alagadas após forte chuva no Litoral do Piauí — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

Nas últimas 24h, Ilha Grande foi o município que registrou o maior volume de chuvas no Piauí. Segundo dados do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden), os pluviômetros atingiram um índice de 108,8 milímetros. A prefeitura da cidade já contabilizou 10 famílias desabrigadas e confirmou que nesta segunda-feira (25) irá decretar situação de emergência.

Pelas ruas da cidade, os pontos de alagamento atingem quase todos os bairros. A moradora Ioneide Gaspar, que teve a casa invadida pela água durante a madrugada deste domingo (24), informou que teve que suspender todos os móveis e eletrodomésticos para não perder tudo.

Moradora subiu os móveis para não perder tudo em alagamento — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

"A gente levantou, o que a gente não perdeu, porque a água subiu. Se não tivesse levantado tinha perdido tudo, porque a água que está aqui não tem para onde correr. A gente tá desesperada, o pouco que a gente ganha tá arriscado de perder. Uma idosa mora aqui já foi embora para Parnaíba. É ruim. É triste", disse a moradora emocionada.

Moradores abriram valas para escoar a água da chuva — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

No bairro Cal, um exemplo de união. O domingo dos moradores foi de muito trabalho. Com a ajuda da prefeitura de Ilha Grande que disponibilizou máquinas e areia, eles cavaram valas para escoar a água dos quintais.

"A água tem que ter a saída e não tinha. Depois que abriu aqui, amenizou toda a situação das casas, da vizinhança toda, e graças a Deus esperamos que não alague mais. Vamos torcer que São Pedro colabore por esses três dias. Agora tem saída, a água tem vazão, que anteriormente não tinha vazão", explicou o motorista Marcos Oliveira.

Casa alagada em Ilha Grande — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

Uma professora do município foi uma das pessoas ajudadas pela comunidade. A água entrou na casa dela pela primeira vez.

"A comunidade aqui no Cal é muito unida, porque se não a situação estaria bem pior. A água teve no meio da perna na minha casa. Só entrou na minha residência, porque tem outra parte lá por trás, que ela entra por lá. Essa é a primeira vez que entra. Ontem mesmo a comunidade fez um canal, exatamente para evitar mais estragos nas casas. E deu certo. Graças a Deus não aconteceu o pior, porque bens materiais a gente consegue”, informou a professora Ivone Alves dos Santos.

Vários bairros registraram pontos de alagamentos em Ilha Grande — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

De acordo com o prefeito de Ilha Grande, Herbert Silva, ao todo já são 10 famílias desabrigadas que estão sendo levadas para um colégio do município e para uma igreja. O gestor informou ao G1 que irá decretar situação de emergência nesta segunda-feira (25), assim como fez o prefeito de Parnaíba, Mão Santa na última quinta-feira (21).

"Hoje temos 10 famílias desabrigadas. O serviço social está tomando as providências devidas e nós queremos agradecer as orientações do Corpo de Bombeiros e da Polícia, que estão nos dando. E realmente estamos passando por um momento de calamidade pública. Faço um apelo à comunidade, porque a prefeitura sozinha não pode resolver esta situação. Pedimos a compreensão da população. O objetivo é um só. Nós todos somos seres humanos e estamos vendo que não é somente aqui. O problema da cidade são as drenagens das lagoas, pois muita gente que tem feito os muros as casas em frente aos sangradores, e isso está nos dificultando muito a fazer a drenagem dessa água”, disse Herbert Silva.

Prefeito de Ilha Grande falou sobre decreto de emergência após fortes chuvas — Foto: Kairo Amaral/TV Clube

Previsão do tempo
Segundo o climatologista Werton Costa, em Parnaíba as estações travaram valores acima de 50 milímetros, mas os volumes foram distribuídos ao longo do dia com concentração maior durante a madrugada. Porém, o maior volume de chuvas foi registrado em Ilha Grande, onde a estação pluviométrica chegou a registrar na última chuva um acumulado de 108,8 milímetros.

“O problema no Litoral não é apenas a questão do volume de chuva, mas devido às chuvas no decorrer da semana o solo está encharcado, o que a gente chama de saturação do solo. De tal forma que toda chuva que cair na região tem a dificuldade de absorção da água pelo solo, causando problemas de alagamento, impermeabilização das áreas densamente ocupada. Infelizmente ainda terão muitos transtornos na região”, informou o climatologista.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing