28/03/2019

Famílias constroem "cercado" em túmulos para evitar invasão de animais

A situação é tão crítica, que parentes de falecidos estão construindo, por conta própria, pequenos chiqueiros com madeiras para evitar que porcos se aproximem das sepulturas

Reprodução/Portal Norte 10

A população está abismada diante da calamitosa situação do novo cemitério municipal de Porto Piauí. Moradores denunciam que corpos estão sendo enterrados numa espécie de bueiro aberto pela prefeitura.

Fotos e vídeos na internet revelam que o cemitério está abandonado e alagado pela água das chuvas e que não possui proteção (cercado) para impedir a entrada de animais, à beira da PI-112.

A situação é tão crítica, que parentes de falecidos estão construindo, por conta própria, pequenos cercados com madeiras para evitar que porcos se aproximem das sepulturas.

“Lá não pode ser usado como cemitério porque o solo é úmido e também passa um canal d’água por dentro. Animais dormem, defecam e mijam em cima das sepulturas. É uma vergonha para nós portuenses termos que enterrar nossos parentes dentro da lama.”, disse um cidadão que preferiu não ser identificado.

Reprodução/Portal Norte 10
Reprodução/Portal Norte 10

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing