10/01/2019

PI: Polícia diz que suspeita usou spray de pimenta antes de matar esposa do companheiro

Samila Alves é suspeita de matar Domingas Maria, segundo a polícia, porque as duas se relacionavam com o mesmo homem e discutiram.

Splay de pimenta foi encontrado após o assassinato — Foto: Divulgação/Polícia Civil

A Polícia Civil continua investigando o caso de Samila Alves, que confessou ter matado Domingas Maria, e o delegado Ricardo Moura descobriu através do depoimento que Samila matou a esposa de Francisco Xavier usando um spray de pimenta para imobilizar a vítima. A motivação foi ele ter dito que iria terminar o caso amoroso com ela.

Samila Alves é suspeita de matar Domingas Maria, segundo a polícia, porque as duas se relacionavam com o mesmo homem e discutiram. Domingas era esposa do homem, que mantinha uma relação extraconjugal com a suspeita. O crime aconteceu na manhã de segunda-feira (7) em União, no Norte do Piauí.

Faca usada no assassinato em União no Norte do Piauí — Foto: Divulgação: Polícia Civil

O delegado contou que a suspeita planejou matar Domingas, pois utilizou um spray de pimenta durante a discussão. “A suspeita usou o spray antes de esfaquear dona Domingas e por isso ela não conseguiu reagir durante a briga. Ela tinha duas armas e a vítima nenhuma”, contou o delegado.

“A suspeita foi presa em flagrante e confessou o crime. Ela disse que estava cansada de receber ameaças e por isso matou a esposa do seu companheiro”, contou o delegado Ricardo Moura.

Samila e Francisco Xavier teria se conhecido havia poucos meses através da internet.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing