12/09/2018

Encerrada temporada reprodutiva no litoral piauiense 2018



No ultimo dia 31 de agosto uma equipe do Instituto Tartarugas do Delta através do projeto Rotas da Conservação acompanhou nascimento do ultimo ninho da temporada de desova no litoral piauiense ocorrido na praia da Pedra do Sal.




Ao todo foram registradas 78 ocorrências no trecho de 76 km de praias piauienses e liberados no mar mais de 7. 300 filhotes. Foram confeccionados ninhos nas praias Pedra do Sal (Parnaíba), Peito de Moça, Barro Preto, Coqueiro, Arrombado e Carnaubinha (Luís Correia) das espécies Eretmochelys imbricata (tartarugas de pente), Caretta caretta (tartaruga cabeçuda) e Lepidochelys olivacea

Este ano o período de desova iniciou em fevereiro com os primeiros ninhos nas praias de Luís Correia.



“Manter as áreas de desovas protegidas sinaliza saúde ambiental, faça parte dessa rede de conservação!”, relatou Werlanne Magalhães, coordenadora do Projeto Rotas da Conservação.



O trabalho de monitoramento de desova no Litoral piauiense nessa temporada de 2018 foi realizada através do Projeto Rotas da Conservação, um projeto financiado da Shell Brasil, com recursos da cláusula de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (Cláusula de PD&I) dos contratos de concessão da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Assessoria de Comunicação Instituto Tartarugas do Delta

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Anuncio google