26/04/2023

Piauí registra aumento de 225% em casos de afogamentos apenas em 2023

Somente no mês de março passado, foram contabilizados 11 afogamentos contra apenas um caso no mesmo mês de 2022.

Piauí registra aumento de 225% em casos de afogamentos apenas em 2023 | Reprodução

Afogamentos aumentam 225% nos primeiros meses do ano e Corpo de Bombeiros alerta banhistas durante período chuvoso no Piauí. De acordo com os números do Corpo de Bombeiros, de janeiro a abril deste ano foram 26 casos de afogamentos. Isso se dá em consequência ao volume das águas que aumentaram em várias regiões do estado.

Comparado a este mesmo período em 2022, foram 8 casos de afogamentos. Somente no mês de março passado, foram contabilizados 11 afogamentos contra apenas um caso no mesmo mês de 2022.

“Para os que frequentam esses locais com grande volume de água é importante ficar atento a determinadas situações como, não ingerir bebida alcoólica quando for entrar na água, o cuidado com criança deverá ser redobrado e nos locais da diversão não pular na água se o banhista desconhece a profundidade para evitar um grave acidente”, explica o tenente do CBMP Filipe Lima.

Ainda de acordo com as orientações dos Bombeiros, participar de trilhas ou camping na busca de cachoeiras e lagos também precisa de atenção, especialmente, nos primeiros sinais de chuva.

“Em dias chuvosos, o recomendável é não entrar na água, não tentar atravessar de um local para outro, pois a correnteza pode arrastar o banhista e causar um afogamento. O ideal é procurar um local alto e esperar toda chuva passar”, alerta o tenente.

No caso de uma situação de afogamento, mesmo que a pessoa saiba nadar, jamais entrar na água para tentar realizar um socorro. O adequado é fornecer algum objeto que sirva de flutuação, como por exemplo: uma garrafa pet vazia, tampa de isopor, corda, galho de árvore, para , assim, evitar o contato direto com a vítima. A orientação é procurar locais que possuem guarda-vidas ou pessoas que sejam capacitadas para realizar um resgate em situação de emergência.

Em caso de emergência o Corpo de Bombeiros poderá ser acionado pelo 190.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário