07/01/2023

Padre é afastado das funções e polícia investiga suposto envolvimento com adolescente, no Piauí

Igreja destacou que afastamento e o processo canônico pelo qual o padre passará não são uma condenação prévia, mas medidas cautelares até o fim das investigações.

Padre é afastado das funções e polícia investiga suposto envolvimento com adolescente em Oeiras, PI — Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Oeiras, cidade 280 km ao Sul de Teresina investiga denúncia contra o Padre Possidonio Ferreira Barbosa Junior, suspeito de envolvimento com uma adolescente. Ele foi afastado de suas funções pela Diocese da cidade e vai responder a processo interno. O g1 não conseguiu contato com a defesa do sacerdote.

O delegado titular da cidade, Luciano Santos, confirmou ao g1 que recebeu a denúncia e que o caso está sob investigação, com abertura de inquérito. Ele disse ainda que o processo segue em segredo de Justiça, por envolver uma jovem menor de idade, e por isso não pode dar detalhes do caso.

A Prefeitura de Oeiras foi procurada e informou que não vai se pronunciar a respeito do teor das investigações.

"O assunto foi vazado por um portal que de alguma forma teve acesso ao relatório, que é um material elaborado pelos profissionais da Secretaria Municipal de Educação e repassado para os órgãos competentes de maneira sigilosa para preservar a adolescente. (...) Cabe aos órgãos judiciais os devidos encaminhamentos", informou apenas a Prefeitura em nota.

Até que o caso seja encerrado, ele passará por processo canônico e está afastado de suas funções, ficando proibido de celebrar publicamente atos da Igreja. A Diocese destacou que as medidas não constituem condenação prévia.

Veja nota da Diocese de Oeiras:
A Diocese de Oeiras vem, por meio desta, esclarecer a todos os fiéis, que desde o momento que recebeu a denúncia do suposto envolvimento do Padre Possidonio Ferreira Barbosa Junior com uma adolescente, tomou as seguintes medidas cautelares e disciplinares até a conclusão dos procedimentos investigatórios:

• Iniciou o Processo Canônico contra o supracitado sacerdote;
• Afastou o Padre de suas funções paroquiais e Diocesanas;
•Proibiu, o citado sacerdote, de celebrar publicamente a Santíssima Eucaristia e de exercer os atos que requerem o poder de ordem sagrada;
•Determinou que o mesmo seja submetido a processo terapêutico em um ambiente especializado.

A Diocese, esclarece ainda, que essas medidas não são uma condenação prévia, mas medidas cautelares, fundamentadas no código de Direito Canônico – CIC, até que as investigações sejam concluídas.

Roguemos a Nossa Senhora da Vitória que interceda por todos nós.
Cúria Diocesana de Oeiras, 06 de janeiro de 2023.
Dom Edilson Soares Nobre
Bispo Diocesano de Oeiras
Padre Kleyton Vieira da Silva
Chanceler da Cúria

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing