29/09/2022

Jovem que ateou fogo em ônibus no Centro de Teresina teve surto psicótico, diz laudo; Justiça decretou prisão preventiva

O jovem tem 24 anos e possui Transtorno do Espectro Autista (TEA). O caso está sendo acompanhado pela Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Autismo da OAB-PI.

Ônibus pega fogo na Praça Saraiva — Foto: Reprodução /Redes Sociais

Um laudo médico atestou que o rapaz que ateou fogo em um ônibus na Praça Saraiva, Centro de Teresina, sofreu um surto psicótico. O jovem tem 24 anos e possui Transtorno do Espectro Autista (TEA).

Laudo médico atesta que jovem que ateou fogo em ônibus teve surto psicótico — Foto: Reprodução

Apesar disso, a Justiça decretou a prisão preventiva do rapaz durante audiência de custódia realizada nesta quarta-feira (28).

"Por conseguinte, com relação ao documento juntado aos autos da possível condição de autista do autuado, no mesmo sentido da manifestação da Representante do Ministério Público, entendo que, neste momento, não existe nos autos documentos que provem a sua inimputabilidade, até porque a sua possível condição de autista não significa dizer que ele é inteiramente incapaz de entender e de se determinar de acordo com a conduta praticada, sem prejuízo da devida reavaliação pelo Juízo competente, após realizado laudo pericial que é condição necessária para a fixação de uma eventual medida de internação provisória", declarou o magistrado em decisão.

A Justiça determinou ainda que "a unidade prisional providencie realização de exame médico (psiquiátrico) para avaliar eventual necessidade de internação compulsória do autuado". A defesa do jovem informou ao g1 que, após a audiência de custódia, o rapaz foi conduzido ao hospital da Penitenciária Major César de Oliveira. A defesa vai recorrer e pedirá o habeas corpus do rapaz.

O caso está sendo acompanhado pela Comissão de Defesa dos Direitos das Pessoas com Autismo da OAB-PI. Para a presidente da comissão, Mirna Mouzinho, a prisão domiciliar seria mais adequada.

“Estamos acompanhando o caso para que todos os direitos dele sejam respeitados, que ele não sofra nenhuma lesão. Como ele tem autismo, ele tem que ter um tratamento diferenciado. Ao nosso ver, enquanto comissão, o correto seria uma prisão domiciliar, para ele ter um acompanhamento em casa. Amanhã vou acompanhar de perto como esse jovem está sendo tratado no hospital”, afirmou Mirna.

Um ônibus foi incendiado na tarde desta terça-feira (27) na Praça Saraiva, Centro de Teresina. O veículo é da empresa do município de Timon (MA). O suspeito de atear fogo no veículo foi preso e encaminhado para a Central de Flagrantes.

O Corpo de Bombeiros foi acionado para conter as chamas. Não houve feridos, contudo, o fogo chegou a atingir árvores da praça.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing