03/08/2022

Homem é executado a tiros na frente da esposa e da filha no Piauí

O comandante do 17º BPM declarou ainda que um dos indivíduos foi reconhecido pela vitima pelo apelido de Gambá

Antonio Jessival foi morto a tiros dentro de apartamento na zona Sul de Teresina

Um homem identificado como Antônio Jessival Pereira da Costa, mais conhecido como Jessim, de 23 anos, foi assassinado na madrugada dessa quarta-feira (03), dentro de seu apartamento no Residencial Torquato Neto, na região da zona Sul de Teresina. O crime tem características de execução.

De acordo com informações dos policiais do 17º Batalhão da Polícia Militar (BPM), a vítima estava na companhia da esposa e da filha de 10 anos quando foi surpreendido por três indivíduos armados que invadiram o apartamento e efetuaram vários disparos contra a vítima. O jovem morreu no local.

De acordo com a esposa da vítima, um dos indivíduos chegou pela janela chamando pelo nome dele. Foi quando esse suspeito efetuou o primeiro o disparo e logo depois outros dois invadiram o imóvel e começaram a execução.

Esposa da vítima contou como tudo aconteceu no momento do crime

“Eu cheguei do serviço e o Jessim pediu para eu fazer um chá pra ele, depois minha filha falou que tinha alguém andando nos fundos do apartamento e o Jessi mandou eu ir pro quarto, foi quando a pessoa bateu na janela e ele só abriu um pouco e o cara chamou ele pra conversar lá fora, mas ele disse que não tinha nada para conversar, então ele atirou. Eu não sei o que motivou isso”, declarou.

O comandante do 17º BPM declarou ainda que um dos indivíduos foi reconhecido pela vitima pelo apelido de Gambá. “Esses três indivíduos vieram para conversar com ele e houve um desentendimento e acabaram efetuando vários disparos contra a vítima”, acrescentou.

Agentes do DHPP iniciaram os primeiros levantamentos no local a respeito do crime

Os policiais isolaram a cena do crime até a chegada dos peritos do Instituto de Criminalística da Polícia Civil do Piauí. A motivação do crime ainda é desconhecida. Até o momento, nenhum suspeito foi preso. A PM realiza diligências na região no sentido de localizar os envolvidos no homicídio.

Os funcionários do Instituto Médico Legal foram acionados para fazer a remoção do corpo. O Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), ficará responsável por investigar o caso.


Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing