24/05/2022

Acusado de matar doméstica a facadas a caminho do trabalho passa por audiência de instrução e julgamento, no Piauí

Ezequiel Rodrigues de Araújo era casado com a vítima há cerca de 10 anos, mas, recentemente, ela havia decidido se separar dele. Familiares afirmam que ele não aceitava o fim do relacionamento.

Doméstica Valdirene Torquato, de 42 anos, foi morta a facadas em Teresina — Foto: Reprodução

Ezequiel Rodrigues de Araújo, acusado de matar a trabalhadora doméstica Valdirene Torquato da Silva, passa por audiência de instrução e julgamento, nesta terça-feira (24), em Teresina. A vítima de 42 anos foi morta a facadas a caminho do trabalho, em janeiro deste ano, e o ex-marido é acusado de homicídio qualificado como feminicídio, porque, segundo a denúncia, o crime foi praticado em contexto de violência doméstica. A defesa do réu não foi localizada para comentar.

A audiência ocorre no Fórum Cível e Criminal Desembargador Joaquim de Souza Neto, Bairro Cabral, Zona Norte da capital. Na sessão, serão ouvidas testemunhas, peritos e o acusado, para registro de provas orais, por depoimentos.

De acordo com a denúncia do Ministério Público do Piauí (MP-PI), matou Valdirene por volta das 7h do dia 25 de janeiro, no bairro Ilhotas, Zona Sul de Teresina.

"A denúncia está instruída com a prova da materialidade do delito e com indícios que apontam para o acusado a respectiva autoria", declarou o órgão no documento, citando provas como o laudo cadavérico e depoimentos colhidos pela polícia.

Entenda o caso
Mulher identificada como Valdirene foi assassinada no bairro Ilhotas, em Teresina — Foto: Ravi Marques/TV Clube

Valdirene estava a caminho do trabalho quando, segundo testemunhas, foi atacada pelo ex-marido, Ezequiel, que lhe deu diversos golpes de faca.

Ainda segundo depoimentos, o homem estava em uma bicicleta vermelha, que deixou parada em uma calçada, atravessou a rua e esfaqueou a vítima.

Em seguida, ele deixou o local após o crime, mas foi preso pela Polícia Militar minutos depois. Familiares da vítima relataram que o homem não aceitava o fim do relacionamento e, por isso, teria cometido o crime.

O casal estava junto há cerca de 10 anos e tinha um filho de 7 anos.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing