09/04/2022

PI: droga avaliada em R$ 1,4 milhão é apreendida pela Depre e 4 são presos

Além disso, também foi apreendido uma grande quantidade de dinheiro, máquinas de contar cédulas e arma de fogo.

Droga avaliada em R$ 1,4 milhão é apreendida e 4 são presos em Teresina (Foto: Divulgação)

A Polícia Civil do Piauí, através da Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes (DEPRE), realizou na manhã desta sexta-feira (08), a prisão de quatro pessoas investigadas por tráfico de drogas e fez a apreensão de 20 quilos de cocaína, avaliados em R$ 1,4 milhão, durante a ação. Além disso, também foi apreendido uma grande quantidade de dinheiro, máquinas de contar cédulas e arma de fogo.

Em entrevista coletiva para a imprensa, a delegada Alexandra Santos, da Depre, explicou que um dos presos possui um grande poder aquisitivo, sendo proprietário de apartamentos de luxo na zona Leste de Teresina, onde fazia a distribuição dos entorpecentes em uma caminhonete modelo S10. As outras pessoas presas também faziam parte dessa organização em venda de drogas na capital. Os mandados foram cumpridos em todas as zonas da cidade, sendo em seis endereços, segundo a delegada.

“Após uma investigação, a gente obteve informações e constatamos que esse indivíduo realiza o tráfico de drogas através de distribuição por toda a cidade e ele utiliza vários endereços. Alguns endereços ele guardava a droga, outro ele residia, ficava com outra parte. Alguns parceiros dele vendiam drogas para ele e ele utilizava o veículo dele, de modelo S10, para ficar fazendo essa distribuição de droga. Informações também que ele possuía arma de fogo. Com base nisso, a gente representou ao Poder Judiciário pela expedição de mandado de busca e apreensão e na data de hoje demos cumprimento aos mandados em seis endereços. Três apartamentos que ele possuía são em nome dele, apartamento de luxo. Foi apreendido drogas, dinheiro, pistola, foi apreendido inclusive máquinas de contar dinheiro. Ficou bem demostrado o poder aquisitivo dele com todos os lucros aferidos com essa venda de drogas”, explicou.

Ainda de acordo com a delegada, no momento da prisão, parte da droga apreendida já estava fracionada e parte já embalada para a venda. Os outros presos são um casal que compartilhava da venda das drogas e uma mulher, no qual mantinha relacionamento com o investigado.

“Foram 4 pessoas. Ele foi preso com droga e dinheiro; uma mulher também foi presa, que tinha relacionamento com ele, onde tava a maior parte da droga; máquina de contar cédulas e uma arma de fogo que era guardada lá para ele. Na casa de um dos parceiros dele foi apreendido droga já fracionada e no momento estava sendo inclusive embalada para venda. Tivemos hoje quatro presos. A informação é que esse casal atuava em parceria com ele, tanto que foi encontrado drogas com ele. Ficou bem comprovado a parceria entre eles”, completou.

Alexandra Santos destacou ainda que as investigações continuarão para chegar em outros envolvidos na organização. “Aqui é o começo. As investigações eles continuam. Temos prazo de 30 dias ou até mais para tentar desenrolar e chegar a outras pessoas. Ele é grande, movimenta muita coisa. A quantidade de drogas foi muito grande, cerca de 20 quilos de cocaína. Poderio tão grande que ele precisa de uma máquina de contar cédulas. Com certeza tem muita gente ainda que trabalha com ele e espero que as investigações nos levem a essas pessoas também. Ele foi encontrado em um dos apartamentos dele na zona Leste, bairro Uruguai. Ele possui apartamento de luxo, mas estava morando em outro locado”, finaliza.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing