09/04/2022

Joalheiro é assassinado pelo próprio irmão com facada no peito, no Piauí


Por volta das 20h desta noite de sexta-feira (08/04), o joalheiro Ronaldo Dantas, de 31 anos, foi assassinado como uma facada no peito, desferida pelo próprio irmão. O crime foi registrado na rua Corinto Andrade, em frente ao Hospital Josefina Getirana Netta, município de Pedro II, situado 205 quilômetros ao Norte de Teresina.

De acordo com as informações da região, os irmãos estavam em casa quando, em circunstâncias ainda não esclarecidas, o suspeito atingiu Ronaldo com o golpe de faca. A vítima tentou se dirigir cambaleando ao hospital, que fica próximo de sua residência, mas chegou ao local já sem vida. A equipe médica nada pôde fazer. O pai dos irmãos havia saído de casa para realizar um serviço quando o crime aconteceu.

Guarnições da 2º Companhia do 12º Batalhão de Polícia Militar foram acionadas e estiveram na cena do crime. Isolaram o local e, por meio de informações levantadas na região, conseguiram encontrar e prender o suspeito em flagrante cerca de uma hora após o assassinato. De acordo com o PM Ramires, o homem sofre com problemas mentais.

“Se tratava de dois irmãos, um desferiu um golpe de faca no outro, que veio a óbito. A gente colheu informações do possível autor, que estava em casa e [momentos antes] estava ameaçando todo mundo que estava lá. O local do fato foi uma casa onde funciona uma oficina de joias. Depois colhemos informações para saber o paradeiro do suspeito e nos deslocamos até a residência onde ele estava, chegamos com energia e fizemos a prisão em flagrante. [Não esboçou reação] aparentemente está em surto psicótico, apresenta devaneios, fica sem saber o que é fantasia ou realidade, ali demos voz de prisão, fizemos o procedimento padrão e o encaminhamos até à delegacia. O pessoal informou pra gente que ele já traz esses problemas psicóticos. A gente encontrou a faca e o autor do crime disse que era a faca do delito”, disse o policial em entrevista ao Portal P2.

O suspeito e a arma branca utilizada no homicídio foram encaminhados à sede da Delegacia Regional de Polícia Civil Pedro II para os procedimentos cabíveis. O corpo de Ronaldo foi levado para o necrotério, de onde será liberado para que a família possa realizar o velório e enterro.

Fonte: Portal 180

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing