29/03/2022

Jovem é morto a tiros e mãe é baleada ao tentar proteger filho, no Piauí

Foto: Divulgação/PM-PI

Um jovem de 22 anos foi assassinado a tiros na noite dessa segunda-feira (28), por volta das 19h30, no bairro Santa Rita, no município de Campo Maior, a 78 quilômetros de Teresina. Na tentativa de proteger o filho Edson de Moura Lima, sua mãe, Maria da Conceição de Moura Silva, de 40 anos, também foi baleada.

Segundo informações do comandante do 15º BPM, major Etevaldo Alves, o jovem, mais conhecido como Edinho, foi morto na porta da sua casa. Um suspeito, ainda não identificado, chegou de motocicleta e efetuou os disparos contra o jovem.

“Temos informações que foi uma pessoa que andava em uma motocicleta, encapuzado e que chegou na porta da casa do Edinho, ele estava na porta, e essa pessoa efetuou os disparos e se evadiu”, explicou o comandante.

Na tentativa de proteger o filho, Maria da Conceição foi atingida com um tiro no peito. A mulher foi socorrida e encaminhada ao Hospital Regional de Campo Maior. Já Edson de Moura, baleado no abdômen e na virilha, não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no local.

“No momento em que ele foi atingido pelo disparo, que atingiram o abdômen e a virilha dele, a mãe dele também foi atingida na tentativa de proteger o filho. A mãe do Edinho foi atingida por um único disparo, que atingiu o peito, foi socorrida para o Hospital Regional de Campo Maior, ela estava lúcida quando foi socorrida”, acrescentou o major Etevaldo Alves.

Após efetuar os disparos, o suspeito se evadiu do local e a polícia realizou diligências na tentativa de encontrá-lo. Ainda de acordo com o comandante do 15ª BPM, Edson de Moura já possuía diversas passagens pela polícia e era envolvido com tráfico de drogas.

“Ele é envolvido com tráfico de drogas, inclusive por diversas vezes efetuamos a prisão dele aqui em Campo Maior, envolvido também com roubo, com alguns assaltos que aconteceram aqui na cidade”, ressaltou.

A mãe do jovem foi transferida ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) e não corre risco de morte. A Polícia Civil deve investigar o caso.

Rebeca Lima
redacao@cidadeverde.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing