21/01/2022

Homicídios e mortes violentas registraram aumento em 2021 no Piauí, diz SSP

A Secretaria de Segurança Pública do Piauí divulgou os dados da Segurança referentes ao ano de 2021 no Estado.

Secretaria de Segurança do Piauí divulga balanço da segurança de 2021 (Foto: SSP-PI)

A Secretaria de Segurança Pública do Piauí divulgou em coletiva de imprensa realizada nesta quinta-feira (20), os dados da Segurança referentes ao ano de 2021 no estado. Os números foram apresentados pelo Diretor do Núcleo de Estatística, delegado João Marcelo Brasileiro, acompanhado pelo secretário de Segurança Rubens Pereira, o comandante da Polícia Militar Lindomar Castilho e o delegado geral da Polícia Civil Luccy Keiko.

Nos dados estatísticos preliminares da criminalidade divulgados referentes ao ano passado, destaca-se o aumento de 10,72% no número de Mortes Violentas Intencionais (MVIS) e 12,12% em homicídios. Já os crimes de latrocínio tiveram uma queda de 10,81%, em comparação a 2020.

“Em determinados períodos do ano passado, as organizações criminosas se degladiaram. Se percebe inclusive que muitas vítimas possui antecedentes criminais. Acho que um fato que robustece esse entendimento é que houve uma diminuição no número de latrocínios. Pode-se tirar a conclusão que aquela pessoa que está envolvida no mundo do crime ela tem uma tendência maior a ser morta de forma violenta, de ser assassinada, para ser mais claro”, explicou Luccy Keiko.

No balanço preliminar, a SSP destacou ainda 52,26% das vítimas de MVIS da zona urbana de Teresina em 2021 concentraram-se em 18 bairros, com destaque para Santa Maria da Codipi, Angelim, Pedra Mole, Itararé e Centro. Já a zona rural registrou 26 vítimas de mortes violentas.

Veja:
Crimes por mortes violentas se concetram em 18 bairros de Teresina (Foto: SSP-PI)

Além disso, Parnaíba foi o destaque no ranking de municípios do âmbito do interior a registrar Mortes Violentas, seguida de outras 11 cidades, onde se concentraram em 2021 as MVIS, totalizando 52,34% do levantamento. As cidades são:

Piripiri
Luis Correia
Picos
Campo Maior
Altos
Corrente
Floriano
Esperantina
Cajueiro da Praia
José de Freitas
Luzilândia

Segundo os dados, 103 municípios não registraram MVIS em 2021. No entanto, comparando a 2021, houve um aumento de 10% no número.

Mais de 50% das vítimas de MVIS do interior concentram-se em 12 municípios (Foto: SSP-PI)

Os dados da Segurança divulgados denotam que houve um aumento de 12,90% no número de feminicídios, sendo que 31 mulheres foram vítimas em 2020 e 35 ano passado.

Outra análise destacada foi quanto a cor da pele e faixa etária das vítimas de MVIS, sendo que 79% eram pardas, 12% brancas e 9 % pretas, compreendendo idades entre 15 a 29 anos.

SSP divulga balanço da criminalidade de 2021 (Foto: Divulgação)

Números de ocorrências de Roubo e ações para o ano de 2022
Segundo o delegado geral da Polícia Civil Luccy Keiko, mais de 20 mil boletins registrado por crime de roubo, com um acréscimo considerável de inquéritos instaurados para apurar o tipo de delito. Foi apresentado que 2020 teve 22.412 crimes de roubo e 2021 houve 22.823, um aumento de 1,83%.

Na coletiva, o comandante da Polícia Militar, Cel. Lindomar Castilho, destacou o novo concurso da PM-PI em andamento para o incremento da corporação no combate ao crime ao longo do ano de 2022, além da aquisição de motocicletas para aumentar o motopatrulhamento e novas operações.

Número de ocorrências de roubo teve aumento em 2021 (Foto: SSP-PI)

“Vamos ter um ano certamente melhor, pois temos um concurso em andamento. São 1040 policiais militares que serão incorporados ao nosso contingente ao longo do ano. Temos a possibilidade de aumentar ainda mais as operações planejadas, que são com aqueles policiais que estão em folga e são indenizados para isso e o Governo do Estado tem sinalizado para essa possibilidade. Melhoramos nossa frota de veículos; estamos com uma frota toda renovada 100%. Então é pegar o que temos de melhor e encontrar exatamente esses locais onde a mancha criminal aponta, no caso de Teresina, são 18 bairros e no Piauí, 12 municípios se destacam. Então é pegar essa mancha criminal e planejar operações nesses locais. Não tenho dúvidas que com todas as medidas que estamos tomando, ao final do ano vamos ter certamente um final do ano muito melhor do que foi 2021”, reitera.

O Secretário de Segurança Pública, Coronel Rubens Pereira, frisou ainda a importância da integração das forças de segurança no combate aos crimes e das organizações criminosas, que tiveram ligadas a diversas ocorrências registraras no litoral do Piauí no ano passado.

“Nós precisamos dessa integração e já fizemos isso com a Secretaria de Segurança do Ceará e do Maranhão para fazer essa frente. Mas também uma frente de investigação com a delegacia regional no litoral da Polícia Federal de Parnaíba e a Polícia Civil. É um grupo organizado nesse momento para o enfrentamento e os resultados já estamos sentindo. Nos 16 primeiros dias do mês de janeiro já estamos encontrando uma redução nas mortes violentas intencionais”, finaliza.

Cenário provisório na segurança até o dia 16 de janeiro (Foto: SSP-PI)

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing