06/08/2021

Moradores e empresários perfuram poços para garantir abastecimento de água no Litoral do Piauí

Moradores e empresários perfuram poços para garantir abastecimento de água no Litoral do Piauí — Foto: Carolina Miranda/Arquivo Pessoal

Moradores, empresários e turistas de Barra Grande, no município de Cajueiro da Praia, denunciam a falta de condições básicas de infraestrutura no local. Segundo eles, a falta de água potável, problemas com a coleta de lixo e a dificuldade de acesso à internet no vilarejo causam transtornos, especialmente nos meses de alta temporada, como julho e agosto.

Em entrevista à TV Clube, o empresário Bob Zierget, dono de uma pousada na região, contou que, para garantir o abastecimento de água no estabelecimento, foi necessário perfurar poços por conta própria, e cobrou a entrega da adutora do litoral, obra que já dura mais de uma década.

“A nossa grande demanda é a adutora do litoral. É uma bandeira antiga, foi prometida para ser entregue em 2013, já estamos em 2021, 11 anos depois. É inadmissível um município como o nosso sem água encanada, isso não existe”, lamentou o empresário.

De acordo com o Instituto de Desenvolvimento do Piauí (Idepi), a adutora do litoral deve ser concluída e entregue em 2022. O Instituto informou também que está prevista a construção de três reservatórios de água em Cajueiro da Praia, um deles em Barra Grande, o que deve triplicar a capacidade de reserva de água potável na região.

O prefeito de Cajueiro da Praia, Felipe Ribeiro (Republicanos) afirmou que busca soluções para o problema, mas a situação depende também do Governo do Estado. "Estamos buscando parcerias nos órgãos para poços tubulares e abastecimento de água para a zona rural,”, disse o prefeito.

Tecnologia
Conforme o empresário Airton Diniz, o município também enfrenta limitações de acesso a tecnologias e, muitas vezes, é preciso percorrer longas distâncias para conseguir sinais de telefonia móvel.

“A falta de comunicação que a gente tem é muito grande, em alguns pontos a gente tem acesso à torre de telefonia, mas na praia, por exemplo, não temos. Hoje, mesmo com o avanço da tecnologia, não tem uma operadora que acabe funcionando, temos que ficar pedindo wi-fi nos estabelecimentos”, declarou.

Coleta de lixo

Lixo em Barra Grande, no litoral do Piauí — Foto: Pedro Neto/Arquivo pessoal

Outro problema no município é a coleta de lixo, que não supre a demanda em meses de alta temporada. O prefeito de Cajueiro da Praia, Felipe Ribeiro (Republicanos), informou que embora o lixo seja coletado diariamente a maior presença de turistas e a grande quantidade de consumo são um desafio.

“Estamos em conversa com a iniciativa privada, uma parceria para melhorar esse gerenciamento dos resíduos sólidos. Acredito que até o fim do mandato realizaremos o sonho de fazer nossa usina", completou o prefeito.

Fonte: Portal G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing