30/08/2021

Moradores bloqueiam saída de carros da Equatorial em protesto contra falta de energia

Os moradores pretendem liberar a passagem dos carros apenas após conseguir uma reunião com a empresa ou quando uma equipe da empresa reestabelecer o fornecimento de energia elétrica no residencial.

Moradores bloqueiam saída de carros da Equatorial em protesto contra falta de energia — Foto: Arquivo pessoal

Um grupo de moradores do residencial Hugo Prado bloquearam a saída de carros da Equatorial Energia no galpão da empresa localizado no bairro Monte Castelo, Zona Sul de Teresina, para protestar contra a falta de energia no residencial.

O G1 entrou em contato com a Equatorial Energia, que comunicou que irá verificar qual o problema do fornecimento de energia na região do residencial Hugo Prado.

Os moradores afirmaram que pretendem liberar a passagem dos carros apenas após conseguir uma reunião com a empresa ou quando uma equipe conseguir reestabelecer o fornecimento de energia elétrica no residencial. Por volta das 17h a energia foi reestabelecida no residencial, e os moradores liberaram a passagem dos carros da empresa.

Segundo a fisioterapeuta Rosean Pereira, moradora do residencial, a energia caiu por volta das 7h deste domingo (29). Até o fechamento dessa reportagem, às 17h30 de domingo, lugar continuava sem energia elétrica.

A fisioterapeuta conta que há quatro meses as quedas de energia são quase diárias no residencial. “Antes passávamos as noites sem energia, virou hábito ficar noites sem dormir. Mas há uma semana, começou a faltar também durante o dia”, relatou a moradora.

Moradores bloqueiam saída de carros da Equatorial em protesto contra falta de energia — Foto: Arquivo pessoal

Rosean conta que além do desconforto, a falta de energia causa prejuízos a ela e a dezenas de famílias que moram no residencial.

“Nós vamos ficar aqui até obter respostas de alguém ou se levarem um carro para resolver nosso problema. O que não dá é para ficar sem energia. Eu tenho quatro filhos e tenho passado noites abanando eles", contou a fisioterapeuta Rosean Pereira de Matos.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing