14/08/2021

Conselheiro tutelar que teria bebido com menores foi perseguido por policiais no Piauí


Imagem ilustrativo 

Ofício do comando do Grupamento da Polícia Militar na cidade de Sebastião Barros relata que um conselheiro tutelar teria sido flagrado na companhia de três adolescentes fazendo uso de bebidas alcóolicas nas margens de um rio.

Ainda segundo o ofício, no mesmo dia, ele teria conduzido veículo automotor realizado manobras de 'cavalo de pau' em plena via pública e trafegando em altíssima velocidade gerando risco a transeuntes, sendo perseguido por policiais militares.

A promotoria de justiça de Corrente tomou conhecimento do caso e instaurou inquérito civil público para apurar as irregularidades acima descritas como medida preparatória a movimentação da tutela jurisdicional adequada.

"Podem constituir, em tese, conduta comportamental incompatível com o desempenho da função de Conselheiro Tutelar, e que podem, em tese, configurar ato de improbidade administrativa, nos moldes da Lei nº 8.429/92", cita a portaria do MP-PI.

"A punição do agente público que viola deliberadamente os princípios basilares da Administração Pública é absolutamente necessária e exemplar, ainda mais em um momento que se busca o resgate da seriedade com o exercício de função pública, em que se objetiva a probidade no serviço público e a responsabilização dos funcionários descumpridores de seus deveres", completa.

A promotora Gilvânia Alves Viana determinou diligências para apuração do caso.

Fonte: 180Graus

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing