03/04/2021

Produção de eólicas reduz riscos de falta de energia no litoral do Piauí


Sua característica mais marcante está em não emitir poluentes e não exaurir a natureza. A energia eólica é limpa. Contudo é visível seu impacto no paisagismo natural da Praia da Pedra do Sal e da comunidade em seu entorno, e também tem certo ruído. O litoral do Piauí já sofreu muito com deficiências de abastecimento de energia e hoje dispõe de mais segurança; pois a energia elétrica usada nesta região norte do Estado vem da Usina Eólica Pedra do Sal, por exemplo, que entrega a produção à subestação da Equatorial no Bairro Sabiazal, em Parnaíba, litoral do Piauí.

“As eólicas trouxeram um incremento de confiabilidade onde em Parnaíba tem hoje excesso, em alguns períodos do ano, de geração de energia; a gente não importa energia de outros lugares, a gente acaba consumindo toda energia que é produzida pelas eólicas daqui da Pedra do Sal”, enfatizou Márcio Mauriz Leal, supervisor técnico operacional da Eólica Pedra do Sal.


A energia eólica foi a fonte que mais cresceu na matriz elétrica brasileira. Parnaíba não ficou de fora deste avanço. O reflexo disso está na redução dos riscos de apagões e de racionamento devido haver reserva. Em outros momentos Parnaíba já viveu quase 24 horas sem energia elétrica.

Fonte: Portal Costa Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing