25/02/2021

PI: mulher que presenciou morte do namorado diz que ele 'era servo de Deus'

 Reprodução / Instagram

A namorada do jovem Gabriel Coutinho, de 21 anos, executado a tiros na praça do Renascença, zona sudeste de Teresina, postou um longo texto revelador sobre a vítima na quarta-feira (24/02), nas redes sociais.

Ela afirma que Gabriel era um 'servo de Deus' e não usava mais drogas há três meses.

"Ele não era faccionado. Ele saiu de tudo o que era amizade ruim. Nós estávamos na presença do Senhor e tu veio e tirou a vida dele sem motivo nenhum. Mas eu não te culpo, satanás usa as pessoas para destruir a vida das outras. Eu te perdoou, meu filho que viu tudo te perdoa ", disse a jovem que presenciou o assassinato.

Em outro trecho do texto, a jovem diz que Deus fará justiça e explicou: "Deus vai fazer justiça porque tu matou foi um servo de Deus, um cara que saiu do crime e da droga para ter salvação".

A jovem pediu ainda que a mensagem seja compartilhada até chegar ao autor ou amigos dele.

A namorada de Gabriel também postou um vídeo em que mostra o jovem relatando testemunho em uma igreja evangélica e agradecendo uma oportunidade de emprego em um posto de combustível.

"Ela aceitou Jesus e eu me reconciliei, assim as portas começaram a se abrir", disse o jovem.


Sobre o crime
Gabriel Coutinho, de 21 anos, foi morto com cerca de cinco tiros na noite da última terça-feira (23/02), na Praça do Renascença, zona Sudeste de Teresina.

Segundo testemunha, ele saiu de casa até a praça para negociar uma motocicleta. Gabriel estava na companhia da namorada e filho quando foi surpreendido com por um homem que chegou efetuando os disparos.

Reprodução / Instagram

A Polícia Militar realizou diligências, mas o suspeito não foi preso.

O caso é investigado Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Fonte: Portal 180

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Translate

Anuncio google

Racing