02/10/2020

Mulher é assassinada com tiro no peito na Zona Sul de Teresina; ex-genro da vítima é suspeito

Segundo polícia, a vítima estava indo para o trabalho quando foi abordada pelo autor do disparo, que estava em um carro vermelho. Testemunhas relataram que o atirador era o ex-genro dela.

Ocorrência foi atendida pela 2ª Companhia Independente da Polícia Militar, bairro Promorar, Zona Sul de Teresina. — Foto: Gil Oliveira/ G1

Júlia Soares, de 52 anos, foi assassinada com um tiro no peito, na manhã desta sexta-feira (2), no Bairro Vamos Ver o Sol, Zona Sul de Teresina. Testemunhas relataram à Polícia Militar (PM) que o autor dos disparos é o ex-genro da vítima. Contudo, nenhum suspeito foi preso até o momento.

De acordo com o sargento Nascimento, da Companhia Independente de Policiamento (CIP) do Promorar, a vítima estava indo para o trabalho quando foi abordada por um homem que estava conduzindo um carro vermelho.

"O tiro atingiu o peito da vítima. Quando chegamos lá, alguns moradores estavam se preparando para levá-la para o HUT, pois o estado de saúde era muito grave e não dava para esperar o Samu", informou.

Segundo a polícia, testemunhas relataram que o ex-genro de Júlia Soares vinha ameaçando a família dela. "Segundo essas testemunhas, quando ele estava indo deixar os filhos na casa da ex-companheira, encontrou a vítima na rua e efetuou os disparos", contou o sargento Nascimento.

Em seguida, o suspeito teria deixado o local com os filhos no carro. As crianças e o suspeito ainda não foram encontrados. Equipes da PM fazem buscas para tentar encontrá-los.

O caso vai ser investigado pelo Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP).

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing