03/10/2020

Kássio Nunes será o sexto piauiense no STF se aprovado em sabatina no Senado, diz OAB-PI

Natural de Teresina, Kássio Nunes se formou em Direito pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), exerceu a Advocacia por cerca de 15 anos e nesse período fora eleito Conselheiro Seccional da OAB Piauí

Kássio Nunes pode ser confirmado o primeiro piauiense no STF (Foto: Reprodução) KÁSSIO NUNES

Através de nota, a Ordem dos Advogados do Brasil, Secção Piauí, celebrou a indicação do piauiense Kássio Nunes Marques, desembargador do Tribunal Regional Federal da 1ª Região (TRF-1), que foi indicado ao cargo de ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) pelo presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Tendo o nome aprovado ao STF, Kássio Nunes será o sexto piauiense a compor a Corte, da qual já fizeram parte os piauienses:

Antônio de Souza Mendes (1890);
Antônio de Souza Martins (Oeiras – 1894);
Evandro Cavalcante Lins e Silva (Parnaíba- 1963);
Firmino Ferreira Paz (Teresina-1981);
Aldir Guimarães Passarinho (Floriano- 1982).

Natural de Teresina, Kássio Nunes se formou em Direito pela Universidade Federal do Piauí (UFPI), exerceu a Advocacia por cerca de 15 anos e nesse período fora eleito Conselheiro Seccional da OAB Piauí (de 2007 e 2009); Conselheiro Federal Suplente da OAB ( de 2010 a 2011); bem como ocupou cargo no Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PI) na condição de jurista, representando a Advocacia por duas vezes (2008/2010 – 2010/2011).

Em 2012, Kássio Nunes foi escolhido pelos seus pares do Conselho Federal da OAB para integrar a lista tríplice para preenchimento da vaga de Desembargador do Quinto Constitucional. Indicado para a Corte Federal, iniciou sua trajetória na Magistratura, realçando a firmeza de suas decisões e o respeito pela Advocacia e pelo sistema OAB.

Kássio Nunes Marques é um jurista competente e atuante que muito dignificará nossa Suprema Corte. Notabiliza-se por ser bastante acessível à Advocacia e pela ponderação de suas decisões. Como Desembargador Federal destacou-se pela produtividade e gestão processual, características que em muito contribuirão para a efetividade jurisdicional. A OAB Piauí congratula e parabeniza Kássio Nunes Marques, mas certamente quem ganha com a sua indicação é o Poder Judiciário e toda a sociedade brasileira.

Fonte: Portal OitoMeio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing