31/08/2020

Violência no Piauí: estado teve oito mortes violentas durante o final semana

Entre as vítimas está a filha de um vereador de Paulistana, um cadeirante e adolescentes de 17 e 18 anos.

Foto: O Dia

A violência no Piauí sofreu uma escalada neste final de semana, quando o Estado registrou em apenas três dias o equivalente a metade dos homicídios registrados em todo o mês de agosto. De sexta a domingo, oito pessoas foram assassinadas em Teresina e no interior piauiense. A maioria dos casos se concentrou aqui na capital onde entre as vítimas estavam um policial militar e adolescentes na faixa de 17 a 18 anos.

O primeiro caso aconteceu ainda na tarde da sexta-feira (28), quando o policial militar Frantiaiallo Gonçalves Pereira foi morto na porta de uma concessionária de veículos na Avenida João XXIII em Teresina. Ele integrava os quadros da PM do Maranhão e a polícia suspeita que o crime tenha sido uma execução, já que os suspeitos chegaram atirando e não levaram nada de valor material da vítima.

Cerca de duas horas depois, dois jovens, um de 17 e um de 18 anos, foram executados a tiros na Vila Babilônia, região do Residencial Torquato Neto, na zona Sul da capital. De acordo com a PM, eles foram identificados como sendo Flacieldo de Aguiar Sousa e João Vitor. Os dois saiam de um cabeleireiro quando foram perseguidos por um veículo e executados em via pública.

Já na madrugada do sábado (29), a vítima da violência no Piauí foi a filha de um vereador da cidade de Paulistana. Identificada como Evelin Pedrosa Rodrigues, de 24 anos, a jovem foi assassinada a golpes de machado e o principal suspeito do crime é o companheiro dela, de nome Joab dos Santos Campos, de 26 anos. O rapaz teria tentado tirar a própria vida depois de cometer o crime, mas foi encontrado ainda com vida e encaminhado para o Hospital Justino Luz, em Picos.

Também no sábado (29) um cadeirante foi encontrado morto dentro de casa no município de Alegrete do Piauí. Identificado como Henrique Cardoso da Silva, 28 anos, ele seria foragido do sistema prisional do Pará e foi assassinado a golpes de faca. O caso está sob investigação pela Polícia Civil, mas ainda não se tem informações a respeito de suspeitos do crime.

Ainda no mesmo dia, na noite do sábado (29), a PM voltou a registrar mais um homicídio na região do Residencial Torquato Neto em Teresina. A vítima desta vez não foi identificada, mas estaria em uma festa quando foi abordado por um veículo de onde vieram os tiros que o atingiram e tiraram sua vida. O crime foi presenciado pelos amigos da vítima. De acordo com a PM, foram efetuados pelo menos 14 disparos contra o rapaz. 

Voltando ao interior do Estado, mais precisamente à cidade de Buriti dos Montes, um homem identificado como Francisco Hélio Cavalcante foi assassinado a golpes de foice na manhã deste domingo (30) e os principais suspeitos do crime são o caseiro da propriedade da vítima e seu filho. Os dois foram presos horas depois do homicídio nas proximidades do local e a motivação do assassinato ainda não ficou clara segundo a polícia.

Por fim, no final da noite de ontem (30), um homem identificado como Antônio Edinaldo Rodrigues foi morto a facadas em um bar na cidade de Parnaíba, litoral piauiense, ao tentar agredir a própria companheira. De acordo com o 2º BPM, um homem teria visto a tentativa de agressão por parte de Edinaldo à mulher e foi interferir armado com uma faca. Na luta corporal, ele acabou desferindo um golpe contra o peito da vítima, que morreu no local. 

Entrando para as estatísticas da violência no Piauí, mas sem entrar no balanço do final de semana, há ainda um homicídio ocorrido na madrugada desta segunda-feira (31) na estrada que leva ao Povoado Cacimba Velha. A vítima não teve informado pela polícia, mas foi atingida a tiros e morreu no local.

Fonte: Portal Odia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing