05/08/2020

PI: Policial militar é morto a tiros ao ser abordado por criminosos

O PM foi abordado por dois homens na noite desta terça-feira (4), quando chegava em casa. Segundo testemunhas, a vítima atingiu um dos suspeitos.

Policial Militar é morto a tiros na Zona Sul de Teresina — Foto: Gil Oliveira/TV Clube

Um policial militar identificado como Marcos Roberto foi morto a tiros na noite desta terça-feira (4) na Rua Franco do Vale, no bairro Porto Alegre, Zona Sul de Teresina. Segundo a Polícia Militar, a vítima chegava em casa quando foi abordado pelos suspeitos e reagiu, atingindo um dos criminosos.

De acordo com o capitão Franco, do 17° Batalhão da PM, os suspeitos chegaram em uma motocicleta e abordaram o policial. Um deles estava com uma mochila utilizada por entregadores de aplicativos.

“Segundo os vizinhos, os dois homens em uma motocicleta chegaram e dispararam contra o PM. Um deles estava, inclusive, com uma mochila utilizada por entregadores de delivery. Testemunhas contaram que o PM atirou contra a dupla e que um deles foi baleado”, afirmou.

A arma do policial não foi encontrada e a polícia investiga se o crime teria sido um assalto. O sargento Marcos Roberto trabalhava na Penitenciária Professor José Ribamar Leite, antiga Casa de Custódia de Teresina.

Terceiro policial morto em menos de um mês

Marcos Roberto é o terceiro policial morto assassinado em menos de um mês na capital piauiense. Na manhã desta terça-feira (4), o capitão Adonias faleceu após onze dias internado no Hospital de Urgência de Teresina (HUT). O PM foi baleado durante um assalto no dia 24 de julho, na Zona Norte. Um vídeo registrou o momento em que ele foi ferido.

No dia 22 de julho, o soldado do 13° BPM, Lídio Roberto de Sousa Mesquita, foi morto a tiros também durante um assalto na Rua Londrina, Vila São Francisco, Zona Norte de Teresina. Conforme imagens de uma câmera de segurança do local, Lídio estava passando pela rua na motocicleta quando foi parado pela dupla e derrubado do veículo.

Dois suspeitos de matar o policial Lídio Mesquita foram mortos, dois dias depois do crime, em um confronto com a Força Tarefa da Secretaria de Segurança Pública do Piauí (SSP-PI). A ação aconteceu na região do bairro Santa Maria da Codipi, na Zona Norte de Teresina.

Fonte: G1 PI

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing