09/08/2020

Pai é preso acusado de estupro e manter família em cárcere privado no Piauí

Crédito: divulgação.

O desempregado Francisco Marques da Silva Filho, de 35 anos, foi preso por policiais militares, no residencial Boa Esperança, em José de Freitas (38 km de Teresina, acusado de estupro da filha de 14 anos e manter a mulher e outra filha em cárcere privado.

Ele foi preso pelas Polícia Militar (PM) e Civil e levado para uma cela na Delegacia do 17° Distrito Policial (DP) de José de Freitas, acusado de violência doméstica, cárcere privado e estupro de vulnerável.

Meneses, do Conselho Tutelar de José de Freitas, os policiais militares do 16° Batalhão da Policia Militar (BPM) receberem uma denuncia de violência doméstica e ao chegar na residência, Francisco Marques Filho, negou as agressões, mas os militares perceberam algo de errado com uma das filhas do casal e comunicaram o caso ao Conselho Tutelar.

A adolescente de 14 anos denunciou aos conselheiros tutelares que vinha sendo abusada pelo o próprio pai, além também de ser mantida em cárcere privado juntamente com sua irmã e sua mãe.


Diante das confissões de violência sexual, agressões e cárcere privado, Francisco Marques Filho foi preso e conduzido para Delegacia de Polícia de José de Freitas .

A adolescente foi encaminhada pelo o Conselho Tutelar para o Serviço de Atenção a Mulheres Vítimas de Violência Sexual (Sanvis) em Teresina, onde foi submetida uma perícia de conjunção carnal.

Os conselheiros Meneses e Pedro Paulo, informaram que parecer do Sanvis aponta positivo a violência sexual sofrida pela filha de Francisco Marques Filho e um laudo detalhado deve ser concluído em 15 dias, 

Ministério Público de José de Freitas vai solicitar a prisão preventiva de Francisco Marques Filho, que pode ser condenado pela Justiça a pena de 8 a 15 anos de reclusão.

Fonte: Portal Meio Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 

Nossa matérias em seu E_mail

Digite seu endereço de e-mail:

Entregue por PHBemNota

Racing